Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

Enkontra.com
PUBLICIDADE

evento da lego

Professor de Curitiba ganha prêmio de melhor técnico de robótica do Brasil

Premiação aconteceu durante o Torneio Nacional de Robótica FLL (First Lego League), que aconteceu em Brasília, no último fim de semana

  • Da Redação
Parte da equipe Fusion Robôs,orientada pelo professor José Coelho (direita),que segura o prêmio de melhor técnico em robótica do evento |
Parte da equipe Fusion Robôs,orientada pelo professor José Coelho (direita),que segura o prêmio de melhor técnico em robótica do evento
 
0 0 COMENTE! [0]
TOPO

Um ano e meio de preparação técnica e de estudos práticos semanais sobre robótica. Esses foram alguns dos passos que levaram o professor José Ricardo Dolenga Coelho, da rede municipal de ensino de Curitiba, a ser escolhido o melhor técnico de robótica do Torneio Nacional de Robótica FLL (First Lego League), realizado em Brasília no último fim de semana.

Coelho foi selecionado entre outros 73 técnicos de times de escolas públicas e particulares do Brasil. Surpreso com o reconhecimento, ele relata ter se destacado pelo entrosamento e comprometimento na equipe que lidera, além da afinidade com os alunos. “Receber esse prêmio é muito gratificante, porque mostra que estou conseguindo ajudar no dia a dia dos alunos, e me inspira a buscar cada vez mais conhecimento e dedicação”, comemora.

A equipe Fusion Robôs, que reúne alunos do 6.º ao 9.º ano da Escola Municipal São Miguel, do bairro Fazendinha, é formada por oito crianças selecionadas para integrar aulas extracurriculares de robótica. São quatro horas por semana de envolvimento com o tema, seguindo as orientações do professor que é graduado em Matemática pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR).

Apesar de lecionar na rede municipal há cinco anos, somente em 2015 Coelho começou a se especializar em robótica. “Eu fiz um curso online da própria Lego para me aprimorar tecnicamente, então passei a lecionar nesse programa que busca incentivar os alunos aos aprendizados da área de engenharia e tecnologia”. Foi naquele ano que a prefeitura implantou o programa de aulas extracurriculares na escola São Miguel, onde o professor dá aulas de matemática no período da manhã e trabalha com o projeto durante a tarde.

Torneios e campeonatos

Como etapa do torneio, os estudantes da São Miguel desenvolveram um aplicativo de smartphone que facilita a adoção de animais de rua. Funcionando de modo parecido com aplicativos de relacionamento, o software coloca pessoas que querem adotar em contato com organizações não governamentais que cuidam de animais. A plataforma começou a ser desenvolvida há sete meses e é chamado de Helpog. Por enquanto, o app não dá acesso ao público geral, mas o plano, segundo Coelho, é disponibilizá-lo para download na Google Play Store ainda este ano.

A vaga no campeonato foi conquistada pela equipe do professor após uma seleção na etapa regional, onde o time ficou entre os sete melhores.

Apesar do prêmio do técnico no nacional, a Fusion Robôs não conseguiu uma vaga no torneio mundial, mas Coelho garante que a ideia é começar se preparar para os próximos campeonatos desde já. “Cada dia a gente tem que melhorar mais e eu sei que todos - eu inclusive - temos muito a aprender ainda”, conclui.

Colaborou: Cecília Tümler

o que você achou?

deixe sua opinião

PUBLICIDADE

mais lidas de Vida e Cidadania

PUBLICIDADE