Bebidas

Produto

Café envelhecido é diferente de velho! Entenda

Nespresso lança edição limitada de café em que o grão é envelhecido. O Selection Vintage 2014 custa R$ 3a cápsula e está disponível

por Gilson Garrett Jr.* Publicado em 19/02/2017 às 07h
Compartilhe

As palavras velho e envelhecido podem parecer sinônimas. Mas não no mundo do café, como explica Carolina Barreto, coffee sommelière da Nespresso. Segundo a especialista, o café velho é aquele que envelhece de forma não controlada, sem qualidade, e por isso fica com gosto e aroma ruins. Já o envelhecido passa por um processo controlado, similar aos processos de cura de queijos ou de envelhecimento de carnes e cachaças. E é justamente este processo de envelhecimento pelo qual passa o novo blend da marca: o Selection Vintage 2014.

O novo café da Nespresso Selection Vintage 2014 passa por processo controlado de envelhecimento. Foto: Divulgação.

O novo café da Nespresso passa por processo controlado de envelhecimento. Foto: Divulgação.

O novo café da Nespresso é um espresso (ideal para extrair na xícara com 40 ml), de intensidade 7, com corpo aveludado e notas de madeira e frutas maduras. Tem também aromas que remetem à juta (fibra vegetal com a qual é feita a saca do café em que o grão é armazenado). “Nem todos os grão envelhecem bem, por isso precisamos pesquisar qual a melhor maneira de passar pelo processo e ter uma sinergia com a gastronomia”, diz a coffee sommelière. O novo café está à venda desde o dia 23 de janeiro e ficará disponível por até 10 semanas nas boutiques da marca, lojas parceiras e loja online. Cada cápsula custa R$ 3 e o sleeve com 10 unidades sai por R$ 30.

Para produzir esta edição limitada, os especialistas da Nespresso selecionaram um armazém na Colômbia, próximo do Equador. Com uma altitude de aproximadamente 3.700 metros, o ar torna-se mais frio e a pressão atmosférica é baixa, com isso há menos oxigênio e a umidade do ar é cristalizada ao invés de ser absorvida, gerando uma atmosfera especifica para o envelhecimento dos grãos 100% Arábica.

Armazenados ainda verdes, os grãos sofrem mudança de densidade, coloração e composição química. A acidez potencial é diminuída, o que garante um café mais complexo e redondo. Com o passar do tempo, os cafés envelhecidos adquirem novas dimensões sensoriais proporcionando experiências excepcionais.

Carolina explica ainda que o objetivo da marca foi simular os amoras e sabores que o café tinha ao chegar na Europa, antes da construção do Canal de Suez, no século 19. Na época, os grãos viajavam por meses nos porões dos navios para contornar a África. Toda a viagem entregava ao grão um novo sabor.

***

Serviço

Selection Vintage 2014. R$ 3 cada cápsula. O sleeve com 10 custa R$ 30. Disponível para compra na Boutique da Nespresso. Em Curitiba tem uma no ParkShopping Barigüi. Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 600 – Piso Térreo. Abre de Segunda a sexta das 11 às 23h; sábados das 10 às 22h e domingo das 14 às 20. Pode comprar também pelo telefone 0800 7777 737 e o site www.nespresso.com.

***

*** O jornalista viajou a convite da Nespresso

Compartilhe

8 recomendações para você