Produtos & Ingredientes

Conheça 8 comidas servidas no cone em Curitiba

A moda, tradicional de países europeus, pegou na capital paranaense: já tem batata, fish and chips, churros, coxinha, fondue e até café servidos no cone

por Júlia Ledur, especial para a Gazeta do Povo Publicado em 02/07/2016 às 15h
Compartilhe

Fondue no cone

As frutas são servidas em uma casquinha de sorvete. Foto: Divulgação

As frutas são servidas em uma casquinha de sorvete. Foto: Divulgação

Na Chiquinho Sorvetes, a sensação é o fondue no cone, em duas opções: de frutas (R$ 8), com uva, morango e banana, com calda de chocolate ao leite, e de morango com calda de chocolate ao leite (R$ 11). As frutas são servidas em uma casquinha de sorvete revestida por chocolate.  

Outro destaque da loja é o Shake mix, sorvete de creme misturado a ingredientes como Ovolmaltine com Nutella e banana com farinha láctea. Todos os sabores custam R$ 11. No cardápio também há sorvetes, petit gâteau e milkshake.

A rede tem uma loja no Centro de Curitiba, na Av. Vicente Machado, e outra no Shopping São José, em São José dos Pinhais.

***

Crepe no cone

Foto: Divulgação

O cardápio da L’équipe Crepe tem mais de 60 sabores diferentes. Foto: Divulgação

A L’équipe Crêpe tem um cardápio extenso de crepes parisienses no cone: são 43 sabores salgados e 20 doces. Os mais pedidos são strogonoff, carne com cheddar, napolitano, margherita e rúcula. Já entre os doces, o campeão de vendas é o de morango com chocolate. Também se destacam os sabores de banana, doce de leite e dois amores. A empresa trabalha com eventos fechados, nos quais é possível escolher seis tipos de crepe salgados e quatro doces. O preço por pessoa é de R$ 32 e a quantidade de crepes é ilimitada. A L’équipe Crêpe também participa de alguns eventos de gastronomia em Curitiba e encontros de food trucks. É possível acompanhar a agenda do local por meio da página no Facebook. 

***

Batata no cone

batata belga mix divulgação

Na rede Belga Mix o cliente escolhe entre dois tamanhos e dez molhos. Foto: Divulgação.

A batata no cone, tradicional comida de rua em países como Bélgica e Holanda, vem ganhando espaço em Curitiba, onde já existem cinco locais que servem o produto. Funciona assim: a batata é frita e é servida em cones de papel, e o cliente escolhe o molho e a cobertura – em alguns casos também o corte da batata. Daí é só pegar e sair andando com o petisco na mão.

O Belga Mix, rede presente em todo o Brasil, inaugurou uma loja no Centro de Curitiba em maio de 2015, que serve a batata in natura, cortada de maneira rústica. Tem dois tamanhos de cone, médio (R$ 6, 200 g) e grande (R$ 8, 300 g), e 10 opções de molhos (R$ 0,75 cada). Os mais pedidos são barbecue, maionese e azeitona preta, e tártaro.

Já o food truck King Fries se inspira nas batatas holandesas típicas de Amsterdã, em formato de palito que, após fritas, ficam crocantes por fora e macias por dentro. Tem três tamanhos de cones: pequeno (R$ 9, 260 g), médio (R$ 15, 450 g) e jumbo (R$ 23, 700 g e vem com dois molhos). O menu inclui seis tipos de molho tradicional e outros cinco sabores de molho especial.

Os food trucks Pirô na Batatinha servem três cortes de batatas: palito, rústico e noisette. Para acompanhar tem 12 molhos diferentes, os mais pedidos são bacon com maionese, e alho e cebola. São três tamanhos de cone, 200 g, 350 g e 750 g, o preço vai até R$ 16.

A The MeatPack House tem a batata no cone no estilo rústico, com a casca. A porção tem 200 g e custa R$ 5 ou R$ 6 com o molho. São seis opções: queijo, tomate, grão de bico, iogurte, mostarda e barbecue.

No Roots, bar na Vicente Machado, as batatas são cortadas de maneira irregular, fritas e servidas com um molho à escolha do cliente produzido pela casa: maionese com alho, maionese com curry, ketchup, mostarda clara, mostarda escura e barbecue. A porção de 200 gramas custa R$ 6.

Confira mais informações sobre a batata no cone e o cardápio dos estabelecimentos.

***

Fish and chips no cone

Foto: Letícia Akemi/Gazeta do Povo

A comida típica londrina é servida no Bar Sirène, no bairro São Francisco. Foto: Letícia Akemi/Gazeta do Povo

O fish and chips servido no cone de papel, comida de rua típica da Inglaterra, é a única opção do Bar Sirène, local que funciona desde o começo do ano, no bairro São Francisco. A porção de peixe e batata, embalada em um cone de papel cuja estampa imita jornal, sai por R$ 15. A casa também oferece a opção com somente fish (R$ 18) ou chips (R$ 12). Todas acompanham um tipo de molho, que pode ser tártaro, maionese caseira, chilli ou mostarda caseira. Dá para comer no local ou pedir para viagem.

Em Londres, no Reino Unido, o prato é servido em quase toda esquina. Isso porque, no século XIX, o fish and chips era uma opção barata para a classe operária britânica, por conta do desenvolvimento da pesca. Desde então, a tradição se manteve e com o tempo foi exportada para outros países.

Saiba mais sobre o produto e o Bar Sirène.

O quitute inglês também é servido no The Fish & Chips English Pub, que fica no Shopping Hauer. A porção de fish and chips é feita com filé de peixada branca empanado e frito e batatas rústicas, e acompanha maionese caseira (R$ 12 média, R$ 18 grande). Há também a versão coldfish, com bacalhau, que sai por R$ 20, e a porção com anéis de lula e batatas (R$ 16).

Veja a matéria completa sobre o The Fish & Chips English Pub.

***

Bolinho de carne

Foto: Divulgação

O bolinho de carne no cone é uma alternativa mais prática para o pão com bolinho, e que pode ser compartilhada. Foto: Divulgação

No Meatpack House, além das batatas, também tem mini bolinhos de carne no cone. A embalagem vem com onze unidades, feitas com carne bovina, ovos, pão mirepoix moído, bacon e temperos e empanadas em farinha de trigo e farinha de rosca. A porção custa R$ 10 e, para acompanhar, o cliente pode escolher entre quatro opções de molho: barbecue, maionese, grão de bico ou mostarda escura. O produto é lançado como uma opção mais prática do pão com bolinho (que também está no cardápio da casa), que pode ser compartilhada.

***

Churros no cone

Foto: Divulgação

O combo é o único produto oferecido pelo food truck. Foto: Divulgação

O food truck Me Gusta Churros serve um combo de churros espanhois com massa artesanal no cone (R$15). O produto vem com cinco varetas de churros polvilhadas em açúcar e canela e acompanha três tipos de molho: doce de leite artesanal, chocolate belga e blueberry (geleia de mirtilo). A Me Gusta Churros não tem ponto de venda fixo, mas as rotas e eventos são anunciados na página do Facebook do food truck. A empresa também realiza eventos fechados, com um cardápio que inclui cerca de 20 produtos. O empreendimento sobre rodas pretende se transformar em uma loja física, ou “churreria”, em 2017.

No bar Roots, também tem churros, que são vendidos em porções de seis palitos com calda à parte (R$ 6). As opções são Nutella, doce de leite, chocolate belga ou chocolate branco.

Confira a matéria completa sobre o Roots.

***

Coxinha no cone

Além da batata no cone e do bolinho de carne, o The MeatPack House também serve coxinha no cone. A porção vem com sete unidades e custa R$ 10. Para acompanhar, o cliente pode escolher entre cinco tipos de molho, sem custo adicional: iogurte, mostarda, grão de bico, queijo e tomate rústico, além do molho tradicional da casa que fica no balcão, de barbecue com curry.

***

Café no cone

O café latte servido no cone custa R$ 10. Foto: Divulgação

O café latte servido no cone custa R$ 10. Foto: Divulgação

A Kombi n’ Coffee, cafeteria móvel que roda por Curitiba, serve o café com leite na casquinha do sorvete. A bebida custa R$ 10 (100 ml) e foi lançada em comemoração ao aniversário de um ano da empresa. A curiosa ideia surgiu quando Tobi Queluz, sócio proprietário da kombi, viu batatas e churros no cone sendo servidos num evento de food trucks. “Pensei: ‘imagina se tivesse um café no cone!’”, conta sobre a brincadeira que virou realidade. Para que a ideia saísse do papel, “pesquisamos o processo para ver como fazer com que o chocolate não derretesse com o café”, explica Queluz. O truque é despejar uma camada de chocolate na casquinha de sorvete, o que a deixa impermeável.

Compartilhe

8 recomendações para você