i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
#BomGourmetNegócios

Franquias de alimentação abriram 2,8 mil novas lojas no Brasil; veja as mais populares

  • PorGuilherme Grandi
  • 24/01/2020 15:10
Franquias McDonald's e Burger King. Foto: Unsplash.
Franquias McDonald's e Burger King. Foto: Unsplash.| Foto:

As franquias de alimentação que operam no Brasil abriram mais de 2,8 mil novas lojas em 2019. O balanço prévio é da Associação Brasileira de Franchising  (ABF), que divulgou nesta quinta-feira (23) uma lista com as 50 maiores marcas em atividade no país. Deste total, 16 correspondem a bandeiras ligadas à gastronomia, que incluem em sua maioria fast food, supermercados, lojas de conveniência e lanchonetes. Este grupo foi responsável por 35% do total de novas lojas franqueadas abertas no ano passado, consolidando-se como o maior segmento de franchising.

As franquias de fast food são as que mais ganharam novas unidades, principalmente das concorrentes McDonald's e Burger King. Ambas estão entre as 5 maiores operadoras do país. Foto: Unsplash.
As franquias de fast food são as que mais ganharam novas unidades, principalmente das concorrentes McDonald's e Burger King. Ambas estão entre as 5 maiores operadoras do país. Foto: Unsplash.

“Tivemos uma abertura média de 25 novas lojas por dia no Brasil em 2019 e um crescimento de 1,4% no número de novas redes que passaram a operar no franchising nacional”, explica André Friedheim, presidente da associação. “Isso superou a expectativa que tínhamos de 1% para 2019”, arremata. Friedheim atribui esses números a expectativa de melhora da economia brasileira, tanto dos empresários como dos consumidores, além da reforma trabalhista que deu uma solidez maior na contratação de novos funcionários.

Aproveitando-se deste cenário, as redes Burger King e Oggi Sorvetes foram as que mais expandiram os negócios no ano passado, com 229 e 304 inaugurações respectivamente. Embora a Oggi Sorvetes seja a que mais tenha aberto novos pontos de vendas no segmento, foi o Burger King que ganhou maior presença de mercado, com um crescimento de 23% na comparação com 2018. Com isso, a rede de fast food passou a ocupar a quinta posição entre as maiores franquias de alimentação do país, com 1.209 unidades abertas, atrás de McDonald’s, AM/PM, Cacau Show e Subway.

Expectativa

Para o ano de 2020, a evolução do mercado de franchising deve ser ainda maior. Isto porque a ABF  estima que o faturamento deste setor como um todo deve crescer 8%. Já a abertura de novas unidades deve ser 6% maior no apanhado geral do segmento.

“Pouco a pouco, a retomada da economia brasileira vem ganhado corpo e tende a se espraiar pelo país com mais intensidade em 2020, com previsões que já apontam um crescimento de cerca de 2% para o PIB brasileiro neste ano”, completa Friedheim.

Conheça as  cinco redes de alimentação mais populares

Veja quais são as cinco redes de franquias de alimentação que mais cresceram em 2019, entre os 10 setores acompanhados pela ABF, e as informações básicas para quem pretende investir em uma delas:

1- McDonald’s

A marca é operada no Brasil pela Arcos Dourados, que faz um estudo de mercado antes de autorizar a abertura de novas lojas. Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.
A marca é operada no Brasil pela Arcos Dourados, que faz um estudo de mercado antes de autorizar a abertura de novas lojas. Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.

Lojas: 2.459 entre unidades de rua, shoppings centers e quiosques de sobremesas.
Investimento: a partir de R$ 2,5 milhões (veja aqui).
Histórico: Aberta no Brasil desde 1979, a rede norte-americana McDonald’s é líder absoluta no segmento de fast food com a maior quantidade de lojas abertas. A marca é operada pela Arcos Dourados, que apenas autoriza novas aberturas, após estudos de viabilidade de mercado. Mais informações sobre o investimento em franquias são divulgadas sob demanda.

2- AM/PM

As lojas AM/PM funcionam junto dos postos de combustíveis da rede Ipiranga. Foto: reprodução Facebook.
As lojas AM/PM funcionam junto dos postos de combustíveis da rede Ipiranga. Foto: reprodução Facebook.

Lojas: 2.379 unidades de lojas de conveniências em postos de combustíveis.
Investimento: a partir de R$ 500 mil (veja aqui).
Histórico: Presente no país desde 1991, a marca criada nos Estados Unidos oferece serviços como padaria (em lojas com mais de 50 m²), alimentos processados, bebidas em geral e cervejas especiais (Beer Cave). O investimento na franquia inclui o treinamento do franqueado, atendentes e gerentes.

3- Cacau Show

Uma das franquias mais em conta do país, a Cacau Show está aberta há mais de 30 anos. Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo.
Uma das franquias mais em conta do país, a Cacau Show está aberta há mais de 30 anos. Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo.

Lojas: 2.322 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 139 mil (veja aqui).
Histórico: A rede de lojas de chocolates finos Cacau Show abriu as portas em 1988 com o objetivo de aumentar o consumo de doces especiais. Segundo a marca, o franqueado deve se mostrar habilidoso na gestão do negócio, cumprir os compromissos com a franqueadora e os fornecedores, ter dedicação para garantir a qualidade do atendimento e reunir o capital próprio para a operação.
A autorização para abertura de uma franquia da Cacau Show se dá após análise do cadastro, reunião com representantes da marca, prospecção e avaliação do ponto pretendido. A marca afirma que o retorno do investimento se dá de 18 a 24 meses.

4- Subway

A rede norte-americana Subway afirma que abrir uma franquia da marca requer baixo investimento e operações simples. Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.
A rede norte-americana Subway afirma que abrir uma franquia da marca requer baixo investimento e operações simples. Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo.

Lojas: 1.864 entre unidades lojas de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 368 mil (veja aqui).
Histórico: Presente no Brasil desde 1995, a rede norte-americana de sanduíches Subway afirma ser uma operação de “baixo investimento, operações simples e plantas flexíveis”, além de oferecer apoio e publicidade nacional e local, programa de treinamento de duas semanas, curso de aprendizagem para proprietários e seus funcionários, ajuda de desenvolvimento de loja, apoio a projeto, entre outras vantagens.
Para abrir uma franquia do Subway, é preciso preencher um cadastro preliminar e aguardar a análise para seguir adiante. Se aprovado, o candidato a franqueado passa por entrevista com um agente local da marca que realizará, ainda, uma pesquisa de viabilidade do mercado pretendido. Segundo a rede, o tempo médio de inauguração é de aproximadamente sete meses.

5- Burger King

A rede Burger King entrou no ranking das cinco maiores redes de franquias do país. Foto: Rodolfo Buhrer/Gazeta do Povo.
A rede Burger King entrou no ranking das cinco maiores redes de franquias do país. Foto: Rodolfo Buhrer/Gazeta do Povo.

Lojas: 1.209 entre unidades de lojas de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 318 mil (veja aqui).
Histórico: Aberta no Brasil desde 2004, a rede norte-americana de fast food Burger King tem pelo menos um terço das lojas na modalidade de franquia, com quatro formatos de operação: unidades de rua com e sem drive-thru e as de shoppings centers com e sem salão de atendimento.
Para se tornar um franqueado do Burger King é preciso preencher um cadastro preliminar e aguardar a aprovação. Candidatos com experiência em administração de empresas e comércio de alimentos têm mais chances de autorização – a marca pede, ainda, um capital de R$ 1,8 milhão para investimento imediato, com um retorno de 24 a 36 meses.

Outras 11 marcas para manter no radar

6- BR Mania

Lojas: 1.181 unidades de lojas de conveniências em postos de combustíveis.
Investimento: a partir de R$ 200 mil (veja aqui).

7- Bob’s

Lojas: 1.047 entre unidades de rua, shoppings centers e quiosques de sobremesas.
Investimento: a partir de R$ 820 mil (veja aqui).

8- Dia%

Lojas: 865 mercados e lojas de conveniências.
Investimento: a partir de R$ 497,5 mil (veja aqui).

9- Chiquinho Sorvetes

Lojas: 509 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 300 mil (veja aqui).

10- Oggi Sorvetes

Lojas: 413 unidades, entre lojas de rua e quiosques em supermercados.
Investimento: a partir de R$ 300 mil (veja aqui).

11- Kopenhagen

Lojas: 388 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 305 mil (veja aqui).

12- Brasil Cacau Chocolates

Lojas: 388 entre unidades de rua, shoppings centers e quiosques.
Investimento: a partir de R$ 260 mil (veja aqui).

13 – Mundo Verde

Lojas: 377 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 200 mil (veja aqui).

14 – Giraffas

Lojas: 373 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 550 mil (veja aqui).

15 – Casa de Bolos

Lojas: 370 unidades de rua.
Investimento: a partir de R$ 150 mil (veja aqui).

16 – Spoleto

Lojas: 349 entre unidades de rua e shoppings centers.
Investimento: a partir de R$ 515 mil (veja aqui).

Veja também

Negócio próprio ou franquia de gastronomia? Saiba as vantagens e desvantagens

Pensa em investir numa grande franquia? Veja quanto custa Pizza Hut e KFC

Descubra se o seu restaurante está pronto para o atendimento delivery

***

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.