i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Luto

Morre Nina Horta, uma das principais cronistas de gastronomia no Brasil

A mineira radicada em São Paulo mantinha uma coluna no jornal Folha de S. Paulo desde os anos 80

  • PorGazeta do Povo
  • 07/10/2019 07:42
Nina Horta, uma das mais importantes cronistas de gastronomia do Brasil. Foto: Reprodução / Instagram Glamurama
Nina Horta, uma das mais importantes cronistas de gastronomia do Brasil. Foto: Reprodução / Instagram Glamurama| Foto: Marina Yoshimi Rodrigues Mori

Nina Horta, uma das mais importantes cronistas de gastronomia do Brasil, faleceu na noite deste domingo (6) aos 80 anos em decorrência de uma infecção generalizada. As informações são da Folha de S. Paulo, jornal onde a mineira manteve uma coluna sobre comida desde 1987.

Nina Horta, uma das mais importantes cronistas de gastronomia do Brasil. Foto: Reprodução / Instagram Glamurama
Nina Horta, uma das mais importantes cronistas de gastronomia do Brasil. Foto: Reprodução / Instagram Glamurama| Marina Yoshimi Rodrigues Mori

Autora dos livros “Não É Sopa”, uma coletânea de crônicas lançada em 1995, e “O Frango Ensopado da Minha Mãe”, que lhe rendeu o Prêmio Jabuti de gastronomia em 2016, Nina falava sobre alimentação de um jeito leve e delicado.

Seu último texto publicado na Folha foi em 6 de fevereiro. Com o título “Pequenas Coisas”, a crônica contava a história de uma casa que ficou imune à tragédia de Brumadinho, poucas semanas antes. Desde então, sem novas publicações, passou a receber mensagens carinhosas eu seu perfil no Facebook que questionavam por onde andava Nina Horta.

Nina Horta nasceu em Belo Horizonte, Minas Gerais, mas viveu em São Paulo a maior parte de sua vida. Formou-se em filosofia da educação na Universidade de São Paulo (USP) em 1969.

Durante 27 anos, comandou o famoso Buffet Ginger, espaço para eventos, ao lado da empresária Andrea Rinzler. Em 2012, as sócias romperam a parceria.

Além do trabalho como cronista, Nina Horta foi tradutora de alguns livros sobre gastronomia. O mais recente, lançado em 2019, é o “Sal, Gordura, Ácido, Calor”, da chef premiada Samin Nosrat. A obra, que investiga a fundo a influência dos elementos na cozinha, inspirou a série “Salt Fat Acid Heat” da Netflix e e tem o prefácio assinado por Michael Pollan, autor dos best-sellers “O Dilema do Onívoro” e “Em Defesa da Comida”.

Viúva, Nina deixa três filhos, três netos e um bisneto. Seu velório e enterro ocorrem nesta manhã de segunda (7), no Cemitério do Morumbi.

VEJA TAMBÉM

>>> Castanha da Mata Atlântica, sapucaia começa a aparecer nas cozinhas brasileiras

>>> Cacau Show abre mega loja com lanchonete e cafeteria em Curitiba

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.