Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
cerveja-kosher
Cervejas da Don Gentilis têm certificação kosher.| Foto: Reprodução/Instagram

A microcervejaria Don Gentilis, de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, recebeu certificação internacional Kosher, termo usado para descrever alimentos permitidos de acordo com as leis alimentares judaicas. A certificação - que atesta que a empresa obedece às normas específicas que regem a dieta judaica ortodoxa - foi concedida em novembro pela organização norte-americana Organized Kashrut, o que garante que a marca produz cerveja kosher.

“É um motivo de muito orgulho para a gente. Para uma empresa pequena como a nossa, este é um feito muito difícil de obter e que nos coloca num patamar diferente”, conta Cadu Lopes, dono da Don Gentilis.

Segundo o empresário, o processo foi relativamente rápido, levou cerca de oito meses, pois todas as etapas de produção das cervejas da marca já seguiam padrões muito rigorosos. “O mais demorado foi homologar todos os fornecedores dentro dos padrões kosher”, lembra.

cerveja kosher
Cadu e Ediane apostam na certificação para aumentar as vendas da marca.| Divulgação

A microcervejaria existe há quatro anos e produz oito rótulos. Cadu toca a marca juntamente com Ediane Pondé, esposa e parceira nos negócios. A Don Gentilis tem uma planta com cerca de 480 metros quadrados e capacidade de produção de 10 mil litros de cerveja por mês.

“A ideia da certificação veio durante a pandemia, quando atravessamos um período muito complicado nas vendas. Foi uma forma de ter mais um diferencial e agregar ainda mais valor para nossos rótulos. Temos agora uma bebida de altíssima qualidade e de padrão internacional. Por conta disso, já estamos fazendo nossos primeiros estudos de mercado para exportação”, revela.

Cadu não pratica a religião judaica, mas descobriu que tem antepassados judeus quando fez pesquisas sobre a árvore genealógica da família. Sobre a certificação, ela acredita que ela abre um mercado novo, já que não é apenas o consumidor judaico que busca a cerveja kosher.

“Com a certificação, nossos consumidores têm a garantia da procedência dos produtos e insumos que utilizamos e do rigor com que nossas cervejas são produzidas”, diz.

cerveja kosher
A Don Gentilis é a primeira cervejaria brasileira a receber uma certificação internacional Kosher.| Nenad Radovanovic

Alimentos kosher

Segundo o rabino Pablo Berman, da Comunidade Israelita do Paraná, Kosher significa literalmente “próprio ou correto”. É o termo usado para descrever o alimento permitido de acordo com as leis alimentares judaicas. “Os detalhes de kashrut (o conjunto de leis relativos a comidas e bebidas) são muito extensos e diferem para cada tipo de alimento”.

Ele explica que o processo de emissão para um certificado kosher passa por uma pesquisa para levantamento sobre os ingredientes que compõem o produto, bem como o processo de fabricação. Depois, caso o produto preencha as normas da dieta kosher, um rabino ortodoxo visita a fábrica para que o produto possa ser aprovado.

De acordo com Berman, a maioria das cervejas não viola os princípios da dieta judaica. Isso significa que a bebida é naturalmente kosher, visto que nenhum dos ingredientes normais vão contra o kashrut. Mas o fato de possuir uma certificação atesta a qualidade e a origem dos insumos.

As exceções acontecem quando a cerveja utiliza ingredientes atípicos, como corantes ou aromatizantes. A utilização de frutas, xarope de frutas ou especiarias obriga que a cerveja passe por um processo de certificação para verificar se é kosher.

O mesmo acontece no caso das leveduras: caso não sejam as típicas leveduras para produção da bebida, situação que ocorre, por exemplo, em cervejas de alto teor alcoólico, que requerem leveduras habitualmente empregues em outro tipo de bebidas, a cerveja necessita ser certificada.

“A intenção é manter vivas as tradições judaicas. E a certificação é um processo muito rigoroso, que segue tendo um acompanhamento constante para que não haja dúvida sobre o alimento”, conta o rabino.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]