i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Drinks

Dicas para você se arriscar na coquetelaria e preparar drinks refrescantes em casa

  • PorMonique Portela, especial para o Bom Gourmet.
  • 13/02/2021 20:21
Drinks
| Foto: Fernando Zequinão/Arquivo Gazeta do Povo

A coquetelaria caseira é tão divertida quanto desafiadora — e quanto mais você pesquisa e aprende sobre cada bebida e ingrediente, melhor consegue navegar pela infinidade de combinações que a brincadeira permite. Para seu verão ficar mais saboroso (e o barzinho da sua casa, mais assertivo), trouxemos algumas dicas simples que podem fazer toda a diferença no seu drink.

Por onde começar?

Quem responde é o mixologista Zé Augusto Swaiger, que já comandou o bar de restaurantes como Officina Restô Bar, Nomade e hoje é responsável pela carta do Obst. “O primeiro passo sempre é a semelhança”, crava. Para quem ainda não está familiarizado com a criação de coquetéis, uma sugestão é pensar em um drink no qual você possa usar um mesmo ingrediente de maneiras diferentes. Assim, você estará mais próximo de garantir a harmonia da bebida. “Por exemplo, se você for usar um suco de limão-siciliano em um coquetel, use a casca dele para decoração também”. Para combinar as bebidas alcoólicas entre si, Swaiger sugere seguir os clássicos, como misturar gim com cítricos e uísques com licores mais doces. “Essas combinações são atemporais”, afirma.

As bebidas-base

Existem muitas bebidas que podem ser a base do seu drink. Mas para quem quer começar aquele barzinho em casa, os especialistas dão algumas sugestões: gim e vermute valem a pena. Mas não precisa se apegar muito: vale mais escolher uma bebida qualquer, mas que seja de sua preferência. E não importa a estação: para o verão, até mesmo o vinho tinto e o uísque podem entrar em cena, basta adaptá-los com um toque refrescante.

O toque refrescante

Frutas cítricas e ervas frescas, como hortelã, manjericão e alecrim, são aliadas dos drinks refrescantes. Mas usar uma bebida borbulhante, como água tônica, espumantes e água com gás, pode ser a chave para você tornar a refrescância um dos principais traços da sua bebida. “O legal é você entender como pode transformar o seu coquetel e deixá-lo interessante para a estação. Você não vai pelo destilado em si”, explica Renata Worst, chef de bar do Negrita. O recém-inaugurado cardápio de drinks de verão do Negrita, por exemplo, conta um uma bebida à base de vinho tinto com água tônica.

Esses elementos também são interessantes para pensar nos mocktails, os drinks sem álcool. A água tônica e com gás podem entrar junto a chás concentrados, reduções e ervas, que ajudam a espantar a sensação de se estar bebendo um suco. De toda forma, quem ainda não se sentir confiante pode copiar versões clássicas e apenas tirar a bebida alcóolica, aumentando a dose de água tônica ou água com gás. “É mais fácil partir do clássico e fazer versões mocktail. Você pode começar com coisas que já existem e, depois, ir se arriscando”, comenta.

Capriche no gelo

Drinks verão
Quanto mais gelo, melhor! Assim seu drink ficará menos aguado, porque ele vai demorar mais para derreter.| Fernando Zequinão/Arquivo Gazeta do Povo

Há quem pense que os bares e restaurantes enchem os copos de gelo para economizar na bebida. A verdade é que, quanto mais gelo no copo, menor a superfície de contato de cada pedra com a bebida e, consequentemente, mais tempo o gelo permanece sólido. Isso significa que muito gelo colabora para a sua bebida ficar menos aguada. Por isso, prefira as forminhas de gelo maiores.

Você pode aproveitar o gelo também para agregar sabor ou beleza ao seu drink. No primeiro caso, é possível fazer gelos à base de café, chá concentrado ou suco de frutas. “Isso tudo vai somar no seu coquetel, então é preciso entender que vai alterar o sabor”, aponta Worst. Já para brincar apenas com a estética, pense em acrescentar insumos secos, como flores e ervas.

E agora, vamos nos aventurar nos drinks? Renata ensina duas receitas para você replicar, mas também se inspirar para criar os seus próprios coquetéis. O primeiro, Albahaca, é super refrescante e batido na coqueteleira com manjericão basílico, ingrediente que dá nome ao drink — albahaca, em espanhol. Já o segundo, Sangre, é interessante por não levar nenhum agente de dulçor além do próprio licor. O nome deriva do resultado final, que leva purê de frutas vermelhas e infusão de hibisco.

Albahaca

Por Renata Worst, do Negrita Bar

Drinks: Albahaca
O frescor do manjericão basílico é combinado com matchá e xarope de mel.| Munir Bucair Filho/Divulgação

INGREDIENTES

  • 1 folha de manjericão basílico
  • 40 ml de gin
  • 20 ml de triple sec
  • 15 ml de xarope de mel (100 ml de água quente + 100 ml de mel)
  • 15 ml de sumo de limão tahiti
  • 35 ml de concentrado de matchá (100 ml de água + 12 gramas de matcha em pó)

PREPARO

Primeiro, deixe pronto o xarope de mel e o concentrado de matchá. Para o xarope, misture 100 ml de água quente com 100 ml de mel e bata bem. Coloque 15 ml deste xarope na coqueteleira.

Já para o concentrado de matcha, com a ajuda de um fouet misture 100 ml de água com 12 gramas de matcha em pó. Coloque 35 ml na coqueteleira. Coloque o restante dos ingredientes (fin, triple sec, sumo de limão e manjericão) e enxa a coqueteleira de gelo. Bata vigorosamente para que o manjericão seja macerado pelo próprio gelo.

Na hora de servir, encha um copo com muito gelo e sirva, coando apenas com o sprainer (coagem simples). Como guarnição, coloque um ramo de manjericão basílico.

Sangre

Por Renata Worst, do Negrita Bar.

Sangre
Hibisco e frutas vermelhas garantem a coloração do drink.| Munir Bucair Filho/Divulgação

INGREDIENTES

  • 40 ml de gin
  • 25 ml de licor saint germain
  • 15 ml de sumo de limão tahiti
  • 10 ml de suco de abacaxi
  • 60 ml de água tônica
  • Uma rodela de laranja seca
  • Para o shot
  • 100 ml de purê de amoras e framboesas
  • 100 ml de chá concentrado de hibisco

PREPARO

Primeiramente, prepare o shot. Para o purê de frutas vermelhas, bata amoras e framboesas na textura de um smoothie. Caso queira, adicione sumo de limão siciliano e açúcar a gosto (opcionais). Depois, faça um chá concentrado de hibisco. Misture 100 ml do purê com 100 ml do concentrado e coloque em um copo de shot.

Para o drink, coloque o gin, o licor, o sumo de limão e o suco de abacaxi diretamente no copo e mexa. Complete com gelo, água tônica e uma rodela de laranja seca como guarnição. Quando servir, misture o shot com o drink.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.