i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
bilheteria

Brasileiros gastaram mais de R$ 2 bi em ingressos de cinema em 2015

    • Folhapress Web
    • 29/01/2016 13:20
    “Vingadores: Era de Ultron” foi o filme mais visto no país no ano passado | Divulgação/
    “Vingadores: Era de Ultron” foi o filme mais visto no país no ano passado| Foto: Divulgação/

    Cerca de 173 milhões de pessoas foram ao cinema no Brasil no ano passado, um aumento de 11,1% em relação a 2014, segundo relatório divulgado pela Agência Nacional do Cinema (Ancine) na segunda-feira (25).

    Como reflexo do aumento de público, a renda gerada em bilheteria para o setor alcançou os R$ 2,35 bilhões -um incremento de 20,1% na comparação com o resultado anterior.

    O informe anual, com dados de distribuição, exibição e produção de obras cinematográficas nacionais e estrangeiras, aponta que as taxas de crescimento do número de espectadores e receita são os maiores registrados nos últimos cinco anos.

    De acordo com a Ancine, a participação do público de filmes brasileiros passou de 12,2% em 2014 para 13% em 2015 - foram 22,5 milhões de espectadores no ano passado. O filme mais visto do ano no país foi “Vingadores: A Era de Ultron”, que levou 10,1 milhões de pessoas ao cinema e gerou uma receita de R$ 146 milhões.

    Os dados são referentes às 53 semanas cinematográficas do ano, definidas pela agência como o período entre 1º de janeiro de 2015 e 6 de janeiro de 2016. O novo relatório considera uma semana a mais do que os anos anteriores -o órgão diz que o crescimento do setor continuaria o maior do últimos anos se consideradas 52 semanas.

    Mais cinema nacional

    Ainda segundo o informe, o ano registrou aumento de produções nacionais que chegaram aos cinemas. Foram 128 longas-metragens em 2015, ante 114 em 2014.

    No ranking das 20 maiores bilheterias, três são filmes nacionais, responsáveis por 43% do público de obras nacionais e por 6% do público total: “Loucas pra casar” (10º), “Vai que cola” (12º) e “Meu passado me condena 2” (20º).

    Também houve crescimento do número de salas de exibição no país. Em 2015, foram inaugurados ou reabertos 304 espaços. O ano fechou com mais de 3.000 telas de cinema em funcionamento, marca que não era atingida desde 1977.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.