Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Atendimento da Ecco Salva procura levar proteção aos idosos e tranquilidade à família.
Atendimento da Ecco Salva procura levar proteção aos idosos e tranquilidade à família.| Foto: Divulgação/Ecco Salva
  • Por Ecco Salva
  • 05/05/2021 00:00

Em diversas listas sobre os maiores medos do ser humano, a solidão aparece entre os mais citados. E essa situação só se potencializa em tempos de pandemia, quando o isolamento social é uma atitude necessária e de segurança. Uma pesquisa recente realizada pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia – São Paulo (SBGG-SP), em parceria com a Bayer, mostra que entre a população idosa, a solidão surge como o medo número um, seguida pela preocupação com possíveis dificuldades de enxergar e de se locomover. O desenvolvimento de doenças graves aparece em terceiro lugar.

Os receios enfrentados pelos idosos vão ao encontro da sensação de segurança e de proteção, que são demandas naturais do ser humano, como explica o diretor-médico da Ecco Salva, Juradilson de Santis Júnior. Segundo ele, inúmeras chamadas recebidas pela equipe da Ecco Salva são motivadas por idosos em quadros de depressão ou solidão. “Nossas equipes normalmente procuram manter um diálogo de apoio e de cuidado com nossos clientes, principalmente com aqueles que se sentem fragilizados emocionalmente”, explica, salientando que o cuidado com o paciente vai além do aspecto físico.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a expectativa média de vida do brasileiro é de 77 anos, contra apenas 45,5 anos em 1940. Esse envelhecimento geral da população fez como que o atendimento emergencial também mudasse com o passar dos anos. “Hoje procuramos fazer orientações de práticas alimentares e atividades que sejam protetoras e também gratificantes nos aspectos emocional e físico para os idosos. Orientamos sobre o correto acompanhamento médico para cada caso que nos apresentam”, detalha o diretor-médico.

Com atendimento 24 horas, equipe da Ecco Salva faz atendimento aos pacientes na ambulância.
Com atendimento 24 horas, equipe da Ecco Salva faz atendimento aos pacientes na ambulância.| Divulgação/Ecco Salva

Importância da socialização

A socialização é outro fator preponderante para evitar isolamento e a sensação de solidão, principalmente quando filhos e netos trabalham ou moram distantes de seus pais. É uma tranquilidade à família. Um estudo realizado pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, publicado em 2019, mostrou que os laços sociais construídos ao longo da vida são o que mais importam na vida de uma pessoa na terceira idade. Eles se sobrepõem à carreira, dinheiro ou educação. Felizmente, 64% dos participantes da pesquisa afirmaram frequentar eventos sociais semanalmente. Pelo menos era assim, antes da pandemia. Mas, e agora?

Santis Júnior comenta que a pandemia de Covid-19 refletiu na vida das pessoas em todas as faixas etárias, principalmente entre aqueles com mais de 60 anos. “Nessa etapa da vida, os cuidados com os idosos no processo de isolamento social é muito importante. As equipes da Ecco Salva têm papel fundamental no atendimento e conforto das pessoas”, ressalta. O diretor explica que há uma linha de orientação ao paciente em tempo integral, com um médico regulador para conversar e orientar os pacientes.

De acordo com o diretor geral da Ecco Salva, os atendimentos médicos mais frequentes são para pacientes portadores de doenças crônicas, como hipertensão, diabetes, doença pulmonar pelo uso do cigarroe pacientes com problemas cardíacos. “Também temos muitos chamados de acidentes domésticos, como quedas e cortes”, diz.

Atendimento domiciliar

Com a pandemia ainda em alta, é indicado que o público da terceira idade evite se expor. E para não correr riscos de infecção em locais de atendimento com mais pessoas, uma solução é poder contar com atendimento médico domiciliar. A Ecco Salva leva a assistência médica para onde o paciente estiver e em qualquer horário, não sendo necessário que ele se desloque até hospitais ou centros de atendimento médico em tempos de pandemia.

Prestes a completar 29 anos de atuação, o serviço está presente nas cidades de Curitiba, São José dos Pinhais, Araucária, Porto Alegre e Rio de Janeiro. A Ecco Salva oferece suporte de atendimento 24 horas por dia, sem limite de chamados, o que gera mais segurança para os idosos e tranquilidade aos filhos que pretendem fornecer o benefício aos pais. São ambulâncias equipadas com profissionais para fazer o atendimento inicial, incluindo UTI móvel completa, com médico, enfermeiros, medicamentos e equipamentos necessários. Mais informações sobre o plano podem ser obtidas pelo site, pelo Instagram, pelo Facebook ou pelo telefone (41) 3340-8787.