Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Todo o processo de armazenamento dos produtos da Tainá Alimentos envolve embalagens próprias e adequadas para cada tipo de alimento.
Todo o processo de armazenamento dos produtos da Tainá Alimentos envolve embalagens próprias e adequadas para cada tipo de alimento.| Foto: Jean Arbaiter
  • Por Tainá Alimentos
  • 10/05/2022 17:19

Quando se trata de boa alimentação, produtos naturais, como chás e oleaginosas, estão no topo da lista de compras. Mas, por se tratar de produtos sem conservantes, o mau manuseio e o armazenamento incorreto podem fazer com que a durabilidade e a qualidade do produto fiquem comprometidas. “Para garantir uma boa conservação após a compra dos seus produtos naturais, alguns cuidados devem ser levados em consideração. Afinal, ao estarem nas embalagens originais, os produtos conseguem atingir prazos de validade de até um ano”, explica Jayme Augusto Menegassi, engenheiro de alimentos na Tainá Alimentos. “Porém, após abertos, essa validade se reduz. Por conta disso, é importante armazená-los de forma correta”, completa.

A Tainá Alimentos é uma distribuidora especializada em produtos naturais. A empresa tem como foco a qualidade e o compromisso com a satisfação dos clientes, durante e após a venda. Uma das especialidades da empresa é a boa gestão dos produtos naturais. Atualmente, a empresa soma mais de 250 itens para distribuição, incluindo frutas secas, grãos, farinhas, oleaginosas, temperos, chás e cereais. Todos livres de glúten e proteína do leite de vaca.

Todo o processo de armazenamento dos produtos da Tainá envolve embalagens próprias e adequadas para cada alimento, mantidas em uma sala à parte, para que não haja risco de contaminação. A distribuidora conta ainda com um laboratório próprio para a realização de testes periódicos que identificam se o produto está na qualidade própria para o consumo. Todos os fornecedores são validados pela própria empresa, que faz visitas constantes e avaliações sanitárias. O objetivo é ter certeza de que os insumos são da melhor qualidade possível, para que o cliente esteja seguro de que pode consumir os itens da Tainá Alimentos sem riscos.

Segundo Menegassi, os principais cuidados a serem tomados no armazenamento dos produtos naturais em casa consistem em garantir que estejam protegidos do calor, da umidade e da luz, pois são fatores que influenciam diretamente na qualidade, já que alteram as características dos produtos.

O engenheiro de alimentos separou algumas dicas importantes para armazenar alguns produtos naturais. Confira:

Chás

Para o armazenamento de chás, a recomendação é que sejam guardados em potes hermeticamente fechados, de preferência escuros, e em prateleiras altas. Uma dica importante é guardar longe do café, pois os chás podem acabar absorvendo os aromas. Além disso, mantenha também longe do fogão, para que a temperatura não deteriore o produto.

Temperos e especiarias

Os temperos e especiarias devem ser mantidos em potes fechados e de preferência identificados. Assim, é possível repor sempre no mesmo recipiente, para que os aromas não se misturem e você possa aproveitar melhor a essência de cada tempero ou especiaria.

Oleaginosas

Para poder fazer com que a qualidade das suas oleaginosas dure por mais tempo, coloque-as em um pote com uma boa vedação e na geladeira. A baixa temperatura e o pouco contato com o oxigênio auxiliam na conservação do produto, pois desaceleram o processo de oxidação. Além disso, manter em refrigeração evita que esses produtos rancifiquem mais rápido.

Frutas secas e cristalizadas devem ser mantidas longe da luz e da umidade, em potes de vidro ou aço inoxidável.
Frutas secas e cristalizadas devem ser mantidas longe da luz e da umidade, em potes de vidro ou aço inoxidável.| Crédito: Jean Arbaiter

Frutas secas e cristalizadas

Para que esses produtos tenham maior durabilidade, devem ser mantidos longe da luz e da umidade, em potes de vidro ou aço inoxidável. Sempre que for guarda-los, certifique-se de que o local de armazenamento está limpo e bem seco. Mais: recipientes hermeticamente fechados e baixas temperaturas também são aliados na conservação das frutas secas e cristalizadas.

Pós e farináceos

Por serem produtos extremamente secos, é essencial que sejam guardados em recipientes fechados longe da umidade, para que não acabem absorvendo-a e percam a qualidade. Para farinhas com alto teor de gordura, como a de amêndoas e a de coco, o ideal é armazená-las na geladeira; a baixa temperatura garante que elas não oxidem e fiquem com o odor alterado.

Grãos

Após terem os pacotes abertos, os grãos também devem ser mantidos fechados e em local fresco e seco. Essa prática irá garantir a qualidade por mais tempo e evitar o aparecimento de pragas, como os carunchos.

Chips

A dica para o armazenamento dos chips é evitar que tenham contato com o ar, por isso é de extrema importância vedar bem o produto. Nesse caso, você pode mantê-lo na própria embalagem original ou transferi-lo para um pote, desde que esteja bem fechado.

A Tainá Alimentos conta com laboratório próprio para a realização de testes periódicos que identificam se o produto está na qualidade própria para o consumo.
A Tainá Alimentos conta com laboratório próprio para a realização de testes periódicos que identificam se o produto está na qualidade própria para o consumo.| Crédito: Jean Arbaiter

Conheça a Tainá Alimentos            

Conheça mais sobre a Tainá Alimentos em https://tainaalimentos.com.br/