Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Arquivo pessoal
| Foto: Arquivo pessoal

O bordão “fazemos qualquer negócio”, do personagem Samuel Blaustein, eternizado pelo falecido Marcos Plonka, no programa “A Escolinha do professor Raimundo”, se encaixava muito bem para Ouad Braquat. Um palestino que viveu 50 anos em Maringá, no Noroeste do Paraná, onde, durante as cinco décadas, foi dono de uma das lojas de confecções mais conhecidas da cidade, a Paulistana Modas.

Ouad chegou a Maringá com 11 anos e o pai o incumbiu de ser um mascate. Com tino para os negócios, o vendedor itinerante logo mostrou à família que carregava no sangue a arte de negociar. Não demorou muito para deixar de gastar sola de sapato nas ruas e mostrar toda a lábia de comerciante no balcão.

As técnicas foram sendo aprimoradas ao longo dos anos, conta a mulher dele, Adle Mohamed Salim Braquat, que o conheceu ainda criança. Perder uma venda sem antes tentar uma das mil maneiras que ele conhecia para conquistar o comprador era inaceitável, diz ela.

A arte de negociar, cativar e vender o produto era colocada em prática todos os dias pelo comerciante, que sabia, como ninguém, agradar a clientela. Um descontinho aqui, um crediário lá, um brinde acolá e pronto, dinheiro em caixa.

O poder de persuasão de Ouad sempre fascinou Adle. Os dois foram melhores amigos na adolescência. Depois de um tempo, o sentimento de amizade amadureceu. “Para namorar não foi preciso muito esforço, eu sempre fui apaixonada por ele. Digo a todos que foi amor à primeira vista”, brinca ela. Eles se casaram em 1982, seis meses após o início do namoro.

Graças aos negócios do comerciante, o casal começou a vida a dois com um carro, casa própria e o prazer de viajar para qualquer lugar do mundo de tempos em tempos. Para completar a felicidade, três filhos nasceram.

Com seu jeito espontâneo, Ouad também fez muitos amigos. “Era muito fácil se tornar amigo dele, ele era muito confiável. Muitas vezes, acabava de conhecer alguém e já levava em casa para um café ou saíamos para jantar”, conta Adle.

Ela lembra também que o marido não gostava quando rotulavam os árabes de individualistas ou alheios à cultura do Brasil. “Ele era moderno e incorporou o jeito brasileiro. Era uma pessoa muito aberta. Já visitou cultos evangélicos, messiânicos, tudo para entender melhor as pessoas e o local onde ele vivia. Tinha uma luz que era só dele”, pontua a companheira.

E, mesmo estando a milhares de quilômetros do local onde nasceu, o palestino não esquecia as raízes. Toda terça-feira seguia em direção à mesquita para cumprir com suas obrigações sagradas. Além disso, de tempos em tempos, voltava à Palestina com a família para fortalecer os laços com os irmãos e outros parentes que lá ficaram.

Em abril deste ano, Ouad passou mal e foi levado ao hospital com suspeita de um AVC. Após os exames, os médicos encontram um tumor maligno no cérebro dele. Em outubro, o comerciante foi internado em estado grave e faleceu no dia 29.

Deixa mulher e três filhos. Aos 61 anos, em decorrência de um tumor cerebral, em Maringá

Lista de falecimentos

Adelaide da Rocha Xavier, 81 anos. Filiação: Alfredo da Rocha e Maria da Conceição Rocha. Sepultamento ontem.

Alfredo Pedro Pereira, 79 anos. Profissão: carpinteiro. Filiação: Pedro João Pereira e Maria Semler. Sepultamento hoje, no Cemitério Paroquial Colônia Orleans.

Ali Chamess, 1 dia. Filiação: Mohamed Khalil Chamess e Leticia Saboia Santos. Sepultamento ontem.

Allan Rodrigo da Silva, 24 anos. Profissão: auxiliar de produção. Filiação: Antônio Wagner da Silva e Jussara Regina Leal da Silva. Sepultamento ontem.

Antônio Irani da Silva, 68 anos. Profissão: maquinista. Filiação: Manoel Pereira da Silva e Anália de Lourdes dos Santos. Sepultamento ontem.

Antônio Xavier de Jesuz, 79 anos. Filiação: Francisco Xavier de Jesuz e Maria Clara de Jesuz. Sepultamento hoje, no Cemitério Parque Iguaçu, saindo de local a ser designado.

Aparecido Pedroso de Morais, 66 anos. Profissão: porteiro. Filiação: Horácio Pedroso de Morais e Maria da Luz Ferreira Morais. Sepultamento ontem.

Carlos Henrique Froelich, 38 anos. Profissão: serralheiro. Filiação: Carlos Augusto Froelich e Vilma Regina Froelich. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal Boqueirão, saindo de local a ser designado.

Celso Schulhan, 60 anos. Profissão: motorista. Filiação: Estephano Schulhan e Elza Norcio Schulhan. Sepultamento hoje, em local a definir, saindo de local a ser designado.

Ciomara Camargo Gandara, 83 anos. Profissão: do lar. Filiação: Antenor Ribas Camargo e Amélia Correa Camargo. Sepultamento ontem.

Dirce Pereira da Silva, 56 anos. Profissão: do lar. Filiação: João Pereira da Silva e Lourdes Pereira da Silva. Sepultamento ontem.

Florentino Gomes Machado, 87 anos. Profissão: comerciante. Filiação: Osvaldo Gomes Machado e Alzira Floriana Machado. Sepultamento ontem.

Guilherme Moraes, 32 anos. Profissão: carpinteiro. Filiação: Eliane da Cruz Moraes. Sepultamento ontem.

Huang Chin San, 71 anos. Profissão: comerciante. Filiação: Huang Chun Lin e Huang Yeh Chiang Chu. Sepultamento sábado, 14 de novembro, em local a definir, saindo de local a ser designado.

Irma Maria Ivanowski, 68 anos. Profissão: do lar. Filiação: Bentolino José de Medeiros e Maria Lauriana Alves. Sepultamento hoje, no Cemitério Jardim da Saudade I.

Kaic da Silva, 22 anos. Profissão: auxiliar de produção. Filiação: Marilene da Silva. Sepultamento ontem.

Ketlyn Eduarda Fernandes Martins, 10 meses. Filiação: Fábio Martins e Adrizangelaine Fernandes dos Santos. Sepultamento ontem.

Lerci Enes Santos, 69 anos. Profissão: motorista. Filiação: Leovegildo Afonso Enes e Silvanira Ribeiro dos Santos. Sepultamento ontem.

Luiz Wanderley Gbur Júnior, 38 anos. Profissão: metalúrgico. Filiação: Luiz Wanderley Gbur e Maria Alice Gbur. Sepultamento ontem.

Manoel Rosa do Nascimento, 82 anos. Profissão: agricultor. Filiação: Joana Soares de Souza. Sepultamento ontem.

Manuel da Cruz de Sousa Lopes, 71 anos. Profissão: representante comercial. Filiação: Manuel de Sousa Lopes e Adelaide Lopes da Cruz. Sepultamento ontem.

Marcos Alberto Muller, 45 anos. Profissão: operador. Filiação: Eli Jair Muller e Noeli de Jezus Muller. Sepultamento ontem.

Maria Cordeiro Leite, 79 anos. Filiação: Bibiana Nunes Cordeiro. Sepultamento hoje, no Cemitério Universal Necrópole Ecumênica Vertical.

Marilda Martins Dallabrida, 51 anos. Profissão: do lar. Filiação: Alcebiades Aleixandre Martins e Maria José Pinto Martins. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal São João Batista, em São José dos Pinhais.

Marlon César Lisbom, 18 anos. Profissão: estudante. Filiação: José Vitorino Lisbom e Neuci de Fátima Lisbom. Sepultamento ontem.

Mauro Agapito Almeida, 62 anos. Profissão: jardineiro. Filiação: Nabor Agapito Almeida e Iracema Gonçalves Almeida. Sepultamento ontem.

Natália Gonçalves de Castilho, 93 anos. Profissão: cozinheira. Filiação: Antônio Francisco de Castilho e Escolástica Ribeiro Gonçalves. Sepultamento ontem.

Nathali dos Santos do Prado, 3 anos. Filiação: Thiago Soares do Prado dos Santos e Débora Bonfim dos Santos do Prado. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal Bom Jesus dos Passos, em Piraquara.

Pedro Francisco Fernandes de Oliveira, 65 anos. Filiação: Silvério Fernandes Oliveira e Fiorita Lenzi de Oliveira. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal da Cidade de Origem.

Ronaldi Abrão, 80 anos. Profissão: comerciante. Filiação: João Abrão e Thereza Mocelin Abrão. Cerimônia hoje, no Crematório Perpétuo Socorro, em Campo Largo.

Ruth Richter Dabul, 90 anos. Profissão: professora. Filiação: Adolpho Richter e Maria Richter. Sepultamento hoje, no Cemitério Municipal da Cidade de Origem.

Sueli Maria de Lourdes Rigolino, 75 anos. Profissão: professora. Filiação: Carlos César Rigolino e Zilda Foltran Rigolino. Sepultamento ontem.

Tamires Luane da Silva, 18 anos. Profissão: auxiliar de produção. Filiação: Vicente Dias da Silva e Leopoldina Maria Alves da Silva. Sepultamento ontem.

Willian de Oliveira, 31 anos. Profissão: comerciante. Filiação: Adelita de Oliveira. Sepultamento hoje, no Cemitério Jardim da Saudade II, em Pinhais.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]