Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Santa Casa de Curitiba já abriu 10 leitos de UTI para pacientes com coronavírus.
Santa Casa de Curitiba já abriu 10 leitos de UTI para pacientes com coronavírus.| Foto: Daniel Castellano/Arquivo/Gazeta do Povo

A Santa Casa de Curitiba espera conseguir mais de R$ 600 mil em doações nesta terça-feira (5), através do movimento Dia de Doar Agora. O evento é uma mobilização internacional pela cultura de doação, que começou nos Estados Unidos e, em 2020, chega a mais de 50 países.

RECEBA notícias pelo WhatsApp

Desde abril, a instituição promove uma campanha que já arrecadou cerca de R$ 864 mil em dinheiro e insumos, tanto de pessoas físicas como jurídicas. O objetivo agora, com ajuda dessa mobilização, é chegar a R$ 1,5 milhão, valor que, segundo a instituição, será destinado à compra de equipamentos hospitalares e de proteção aos trabalhadores de saúde, materiais médicos, insumos, além de custear despesas extras com quadro de profissionais.

“Somos otimistas, mas sabemos que o objetivo é difícil para um dia só. O mais importante sobre essa ação é trazer visibilidade ao nosso trabalho. As doações continuarão a ser aceitas – e necessárias - depois do 'dia de doar'”, afirma o diretor geral da Santa Casa, Eduardo Otoni.

Originalmente, o Dia de Doar é realizado na terça-feira posterior à Black Friday, em novembro. Neste ano, no entanto, foi antecipada para ajudar hospitais e instituições que trabalham no combate ao coronavírus. Não há regras para participar da ação, que apenas incentiva as pessoas a se informarem sobre quem precisa de auxílio e realizarem a doação de quanto ou do que puderem.

Em março, a Santa Casa abriu 10 novos leitos de enfermaria e outros 10 de UTI, acessíveis pelo Sistema Único de Saúde, para atender pacientes com coronavírus. Alguns dos respiradores utilizados nestes leitos foram adquiridos por meio de doações.

Atualmente, o hospital tem quatro pacientes internados na UTI e outros dois em leitos clínicos específicos para a Covid-19. De acordo com o diretor, as doações podem ajudar a expandir essas vagas. “Temos espaço para mais sete leitos de UTI específicos para a Covid-19, mas dependemos do dinheiro para adquirir respiradores, monitores, além de manter a equipe que cuidará desses pacientes”, afirma.

Do montante total recebido até agora, parte foi em dinheiro, parte em insumos, como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), álcool em gel e até mesmo em alimentos, como carne. Tudo que é recebido é convertido em dinheiro para ser divulgado no site da instituição.

O diretor afirma que as doações são importantes também para enfrentar a alta de preços dos equipamentos relacionados à saúde. “Desde o início da pandemia, os insumos não só ficaram difíceis de achar, como encareceram. A máscara N95, por exemplo, passou de R$ 2,90 para R$ 8,00”, afirma Otoni.

Como doar

As doações podem ser feitas pelo site da Santa Casa, clicando na aba “Doação”. As contribuições podem ser pagas pelo pagseguro, Paypal, conta bancária do Hospital ou cartão. No site da campanha é possível também acompanhar as doações recebidas, equipamentos comprados e outros investimentos feitos com as doações.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]