i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Tecnologia

Banco do Brasil renegocia dívidas pela internet e recupera R$ 1,5 bilhão

Sugestão de um funcionário, site oferece oportunidade para clientes pagarem os débitos

    • Estadão Conteúdo Web
    • 20/10/2015 16:38
     | Daniel Castellano/Daniel Castellano
    | Foto: Daniel Castellano/Daniel Castellano

    A partir da ideia de um funcionário, o Banco do Brasil conseguiu recuperar R$ 1,5 bilhão em dívida pela internet. Mesmo em meio a um cenário de inadimplência em alta, o banco conseguiu renegociar débitos com 146 mil clientes por meio de um site específico, criado há um ano.

    O BB viu a inadimplência - taxa de atrasos nos pagamentos superiores a 90 dias - subir no primeiro semestre, depois de uma trégua no fim de 2014. A situação econômica atual, com desemprego em alta e diminuição da renda, contribui para o aumento do número de calotes.

    Banco deposita US$ 6 bilhões por engano em conta de cliente

    Erro do Deutsche Bank passou despercebido por sistemas de controle interno

    Leia a matéria completa

    Empresas e pessoas físicas

    O Portal Solução de Dívidas registra média de 150 mil operações de regularização de dívidas por mês. O tíquete médio para os acordos fechados via internet é de R$ 58 mil para empresas e R$ 7,6 mil para pessoas físicas.

    A negociação das dívidas com pessoas físicas já ultrapassou a barreira de R$ 1 bilhão, em contratos com 138,5 mil clientes. Ao todo, 7,5 mil empresas renegociaram R$ 440 milhões.

    A ferramenta permite que clientes com dívidas com o banco consultem o saldo devedor (que incorpora juros e tarifas pendentes, além do montante principal) e o número de parcelas em atrasos.

    O site simula as condições para um acordo de renegociação. Ao final da consulta, o cliente pode selecionar a opção de pagamento. Os pedidos são avaliados por um algoritmo que pondera, entre outros aspectos, a probabilidade de recuperação do crédito.

    Acordos

    A grande maioria dos clientes prefere fazer acordo sem abatimento. Isso significa que optam por pagar todo o saldo e manter relacionamento com o banco. Em alguns casos, os porcentuais de redução são significativos, mas o cliente ficaria impedido de pegar novos empréstimos com o banco.

    O lançamento de um site pelo qual os clientes pudessem negociar as dívidas sem precisar ir a uma agência foi ideia de um funcionário. O BB tem um programa de inovação, em que os servidores enviam sugestões para serem implementadas.

    Em 2015, foram selecionadas 58 ideias de 3,2 mil sugestões, sendo a maioria na área de tecnologia. A maior parte das soluções foi enviada pelos funcionários que trabalham nas agências. As ideias são postas em prática dependendo do alinhamento estratégico, do ineditismo, da aplicabilidade, do potencial financeiro e dos benefícios potenciais.

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.