Segundo maior banco privado do país, o Bradesco anunciou ontem aumento no lucro com a retomada das concessões de crédito no segundo semestre e o foco na oferta de serviços aos clientes. O lucro líquido somou R$ 3,875 bilhões no terceiro trimestre, um aumento de 26,5% em relação a igual período de 2013. As receitas de serviços chegaram a R$ 5,7 bilhões no trimestre. O volume é 5,8% superior ao do período anterior e 11,6% maior do que no mesmo período de 2013. As operações de crédito como um todo somaram R$ 444,2 bilhões – crescimento de 2,1% em relação ao segundo trimestre, que fora prejudicado pela Copa do Mundo. Mais uma vez, o destaque de crescimento do Bradesco foi o crédito imobiliário, que atingiu R$ 16,7 bilhões – alta de 33% na comparação com o mesmo período de 2013.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]