• 27/01/2021 14:18
Impostos

Bolsonaro diz que zera tributos federais dos combustíveis, mas pede que governadores reduzam ICMS

  • 27/01/2021 14:18
  • PorEstadão Conteúdo
    O presidente da República, Jair Bolsonaro
    O presidente da República, Jair Bolsonaro| Foto: Alan Santos

    O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira (27) que pode zerar tributos federais dos combustíveis, se governadores também reduzirem o ICMS. De acordo com Bolsonaro, cada centavo de redução no PIS/Cofins sobre o diesel teria impacto de R$ 800 milhões nos cofres públicos.

    "Estamos estudando medidas. Agora não tenho como dar uma resposta de como diminuir o impacto, na verdade foram R$ 0,09 (de aumento) no preço do diesel (na refinaria). Para cada centavo no preço do diesel que por ventura nós queremos diminuir no caso o PIS/Cofins, equivale a buscarmos em algum outro local R$ 800 milhões. Então não é uma conta fácil de ser feita", afirmou o presidente.

    O presidente atribuiu os preços elevados do combustível à carga de impostos, sobretudo estaduais. "O diesel, na refinaria, o preço está razoável, mas até chegar na bomba de combustível tem ICMS, tem margem de lucro, tem transportador, tem muito monopólio no meio disso", afirmou. "A solução não é fácil e estamos buscando uma maneira de não ter mais esse reajuste (para o diesel). Porque os impostos federais, a gente sempre disse, eu estou pronto para zerar, a gente vai para o sacrifício, mas gostaria que o ICMS acompanhasse também essa diminuição", acrescentou.

    Bolsonaro fez a declaração após se reunir com o ministro da Economia, Paulo Guedes, em uma reunião fora da agenda oficial.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.