i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Míriam Leitão

O milho e o frango

  • PorAgência O Globo – Debora Thomé (interina)
  • 06/11/2007 19:25

Entre junho e setembro, o preço do milho no mercado interno descasou completamente do preço internacional. Ele aumentou 36% no período, enquanto a cotação lá fora caía. O problema todo, que começa com o incentivo americano ao uso do milho como matéria-prima para o etanol, está preocupando os exportadores de aves. Cerca de 70% do custo de produção do frango é com ração; que, por sua vez, é composta principalmente por milho.

O milho começou a subir bastante no ano passado. Dobrou de preço. Antes, o grão era usado apenas para a alimentação. Não que fosse pouco, longe disso, mas entre as finalidades não estava fazer combustível. E isso faz diferença.

Com o milho indo para a produção de etanol, os Estados Unidos, que eram os maiores fornecedores, diminuíram a exportação. O Brasil passou, então, a vender mais para o exterior, principalmente para a Europa, onde houve quebra de safra. Até setembro, as exportações brasileiras do grão aumentaram 150%, e os preços aqui subiram.

Assim, a Associação dos Exportadores de Frangos (Abef) encomendou um estudo para a consultoria Ícone sobre o preço do milho. O Brasil é hoje o maior exportador de aves do mundo; e o terceiro produtor. Aqui existem em torno de 5 bilhões de frangos, segundo a Abef.

– Temos a combinação perfeita: água, calor e grãos – explica Christian Lohbauer, presidente da Abef.

Jogando contra estão o dólar baixo e, agora, o preço da ração. Ele é tão importante que alguns frigoríficos estão se instalando em Goiás e Mato Grosso, onde o grão é mais barato. E isso ainda que aumente o custo com logística para levar o produto até o porto.

Segundo o estudo, "pode-se esperar que os preços do frango vão responder a um aumento nos preços do milho". Eles devem demorar, depois, cinco meses para se estabilizar novamente.

O preço internacional do frango está hoje em sua máxima histórica. Segundo a Abef, nos últimos 12 meses, o custo aumentou 22%; alta transferida para o preço de exportação. Dificilmente se conseguirá aumentar mais. No ano, as exportações vão crescer quase 30% em valor (comparando com 2005, já que 2006 foi muito ruim).

O estudo conclui que o preço do milho só começará a se estabilizar daqui a cinco meses. E, depois, o preço do frango vai se acomodando.

De qualquer forma, dificilmente o preço do grão cairá muito por agora. Afinal, hoje o mundo todo quer milho: seja como alimento ou como combustível.

Exorbitâncias chinesas

A maior empresa do mundo em valor de mercado agora é uma estatal chinesa. A PetroChina, que lançou novos papéis ontem, passou a valer US$ 1 trilhão.

Porém, entre os chineses, não é apenas ela no topo. Considerando também o valor de mercado, o maior banco mundial é chinês. Entre os sete maiores bancos, três eram da China. Esses números exorbitantes – quando se sabe que existe muito crédito podre no sistema bancário chinês – mostram que há algo de estranho. Não que o país não esteja bem, mas é preciso ficar com um pé atrás quando a bolsa tem quase 200% de alta no ano.

Alguns no mercado, como Ricardo Amorim, do WestLB, já começam a prever que isso, a médio prazo, pode acabar mal. Ou talvez muito mal, olhando a longo prazo.

– Os fundamentos chineses são bons, mas o perigo é que as bolsas lá estão precificando a perfeição – diz.

Até a atividade de exploração de jogos de azar e apostas passará agora a ser categorizada pelo IBGE. O instituto lançou uma nova Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE); que padroniza as atividades. Um outro item que será também detalhado, por exemplo, é o de confecção de sites.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.