i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Estudo

Cremes anti-rugas caros e baratos têm o mesmo efeito

  • PorReuters/O Globo Online
  • 13/12/2006 08:46

Vale a penas gastar uma fortuna em cremes anti-rugas de marcas de luxo? Um estudo encomendado pela revista de defesa do consumidor Consumer Reports revelou que não. Ainda assim, o resultado não deve mudar o gosto feminino pelos pequenos potinhos mágicos de beleza.

O estudo avaliou produtos das linhas mais vendidas no mercado, com preço entre US$ 19 e US$ 355. As voluntárias foram recrutadas e selecionadas por um laboratório europeu especializado em testes com cosméticos. As 23 mulheres tinham entre 30 e 70 anos. Cada produto foi testado, pelo menos, por 17 mulheres, durante 12 semanas.

Para poder avaliar o resultado do produto, as voluntárias aplicaram os cremes em apenas um lado do rosto para que o laboratório pudesse comparar as diferenças. Os especialistas usaram um equipamento de última geração para detectar as rugas e outras mudanças na textura da pele.

O melhor creme, segundo o estudo, era também o mais barato de todos. Os pesquisadores garantem que as marcas mais famosas, e caras, apresentaram resultado sim, porém abaixo de 10%, uma mudança quase imperceptível.

- Estes testes revelam que, na média, a diferença que os produtos de luxo fazem na aparência da pele não tem relação com o preço que eles custam - disse a porta-voz da revista.

A dermatologista Tina Alster, do Georgetown University Medical Center, em Washington, e membro da Academia Americana de Dermatologia, disse que o estudo é muito simplista para concluir que produtos de luxo têm o mesmo resultado do que os de farmácia.

- Pessoas adoram acreditar que os produtos baratos são tão bons quanto os mais caros. Alguns cremes das marcas de luxo têm efeito cientificamente comprovado. As pessoas deveriam é olhar para os ingredientes com mais atenção do que escolher apenas pela embalagem.

Apesar das descobertas do estudo, algumas mulheres afirmaram que continuaram a usar este tipo de creme, mesmo que isto custe caro.

- Na verdade, eu nunca acreditei que estes cremes acabassem com as rugas. Mas eles fazem com que eu me sinta bem e cheirosa - disse Amira Thoron, uma professora de 36 anos.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.