Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Marcel Malczewski é cofundador da Bematech e CEO do fundo M3 Investimentos | Daniel Castellano /Gazeta do Povo
Marcel Malczewski é cofundador da Bematech e CEO do fundo M3 Investimentos| Foto: Daniel Castellano /Gazeta do Povo

O fundo M3 Investimentos, criado por Marcel Malczewski, cofundador da Bematech, investiu na startup curitibana Já Entendi, especializada no desenvolvimento de videoaulas para capacitação de trabalhadores da base da pirâmide usando métodos lúdicos. É o segundo aporte recebido pelo negócio desde a sua fundação em 2012. Os valores do investimento não foram relevados.

Com o aporte financeiro e uma participação acionária, Malczewski passa a integrar o recém-criado Conselho de Administração da Já Entendi, que conta com a participação do empresário Denilson Faria e da fundadora da startup, Gladys Mariotto. O conselho tem como função incorporar boas práticas de gestão ao negócio e preparar a empresa para receber investimentos maiores.

LEIA MAIS sobre Empreendedorismo

Gladys afirma que o desejo de ter Malczewski como sócio-investidor da startup era antigo. “O nome dele pesa muito. A grande maioria dos nossos clientes são de São Paulo e em São Paulo o Marcel tem um nome muito forte”, conta a fundadora. “Também por ele já ter tido uma empresa de sucesso, ser de Curitiba e possuir um dos poucos fundos curitibanos de investimento em startups”, completa Wagner Bonfiglio Mariotto, cofundador da Já Entendi.

As negociações com a M3 Investimentos começaram há cerca de três anos, quando a Já Entendi era uma empresa de videoaulas para o Enem. Na época, a startup participou de uma competição do fundo e, apesar de ter ficado bem colocada no desafio, teve o aporte financeiro recusado.

Modelo de negócio

Em 2014, a empresa mudou o seu modelo de negócio. Passou a produzir videoaulas para capacitar funcionários da base da pirâmide, conhecidos como “chão de fábrica”, usando métodos lúdicos. Todas as técnicas utilizadas para tornar o conteúdo acessível aos alunos são desenvolvidas pela própria Gladys, que tem déficit de atenção e se especializou em produzir conteúdos inclusivos e lúdicos para facilitar o aprendizado.

A estratégia deu resultado e a empresa chegou a crescer cerca de 50 vezes. São 20 clientes ativos atualmente, entre eles Natura, Walmart e Sebrae. Desde o começo, diferente de grande parte das startups, o negócio roda no azul.

Crescimento

Mas, mesmo tendo resultado financeiro positivo, faltava alavancar o negócio. Por isso, Gladys e Wagner continuaram as negociações com Malczewski e neste ano conseguiram concretizar o aporte da M3 Investimentos. Um aporte ainda maior, de outro fundo de investimento, também deve entrar no radar da empresa no médio prazo.

O dinheiro e o conhecimento da M3 Investimentos vão ajudar a Já Entendi a crescer. A empresa vai aumentar a equipe de vendas e de marketing para conquistar mais clientes. Também usará parte do investimento para comprar novos equipamentos. A expectativa é contratar, no mínimo, dez funcionários, a maioria de nível sênior. Atualmente, a empresa conta com 14 pessoas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]