Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Kauan Von Novack, estudante e empresário: “Hoje tenho uma maturidade empresarial que devo à incubadora” | Ivonaldo Alexandre/ Gazeta do Povo
Kauan Von Novack, estudante e empresário: “Hoje tenho uma maturidade empresarial que devo à incubadora”| Foto: Ivonaldo Alexandre/ Gazeta do Povo

R$ 4,1 bilhões é o faturamento das mais de 2,5 mil empresas incubadas no país. Juntas, elas empregam quase 30 mil pessoas.

Assim como na faculdade, onde o estudante passa um período desenvolvendo suas habilidades até a graduação, incubadoras realizam o processo para que empresas nascentes sejam graduadas e estejam prontas para o mercado. Uma das vantagens oferecidas pelas incubadoras é a redução dos custos, importante para o estágio inicial do negócio.

No Brasil, segundo um estudo feito em 2011 pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), há 384 incubadoras em operação, que abrigam 2.640 empresas. Uma delas é a KVN, que presta serviços de gestão de marcas a empreendimentos com alto grau de inovação e está incubada na Universidade Positivo há quase um ano.

O estudante e empresário Kauan Von Novack conta que a estrutura oferecida pela incubadora e a chancela dada pelo processo permitiu à empresa "aparecer" no mercado. "Hoje tenho uma maturidade empresarial que devo à incubadora. Muitos projetos meus foram feitos com incubados e clientes que vieram de contatos feitos lá", conta Novack.

Na incubadora do campus Curitiba da UTFPR, o empreendedor paga um valor mensal de R$ 350 e pode usufruir da infraestrutura da universidade para começar a empresa. "É um valor bem baixo, que ajuda a empresa a ter um custo a menos na formação de preços. Assim, ela fica competitiva no estágio inicial. Como essas empresas não têm muitos recursos, queremos dar condições para que amadureçam antes de chegar ao mercado", explica o coordenador, Ricardo Manica. Na UTFPR, há nove empresas incubadas. Desde 2011, 12 já se graduaram, ou seja, terminaram o processo e estão por conta própria no mercado.

As incubadas são selecionadas por editais específicos, mas uma característica comum a todas é a inovação. Na Agência de Inovação da UFPR, por exemplo, a incubação é voltada a empresas com base tecnológica e da economia criativa. O custo varia de 25% a 50% de um salário mínimo.

"Se a empresa é apoiada em um estágio inicial, a chance de sucesso é maior, por receber orientações de gestão e acompanhamento tecnológico. Além disso, ela tem a possibilidade de concorrer a editais de órgãos de fomento", explica Fernando Gimenez, coordenador na agência, que incuba oito empresas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]