Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Estratégia de vendas inclui cadastro prévio de clientes antes da abertura de uma nova loja | Antônio More/ Gazeta do Povo
Estratégia de vendas inclui cadastro prévio de clientes antes da abertura de uma nova loja| Foto: Antônio More/ Gazeta do Povo

Experiência na concorrência ajudou a criar o próprio negócio

Orides Marques de Almeida começou a trabalhar como empacotador das lojas Pernambucanas quando tinha 15 anos. Aos poucos, cresceu de cargo e virou até gerente de uma unidade da rede.

Depois de 14 anos de experiência, Almeida resolveu arriscar e criou um negócio próprio. Em 1985, fundou com um sócio a loja Ao Barulho, no centro de Colombo. No começo, eles tinham apenas um funcionário, e atender no balcão era parte do negócio para eles.

Em 1992, já com quatro lojas, eles resolveram desfazer a sociedade, deixando duas lojas para cada um. Em 2000, Almeida mudou o nome da sua parte para Millenium e investiu cada vez mais no crescimento da marca.

Para ele, a experiência em um comércio de grande porte foi essencial para a criação da sua própria rede. Isso o ajudou, por exemplo, a expandir o número de lojas de maneira sustentável, sem que isso representasse um prejuízo.

  • Orides Marques de Almeida começou como empacotador na concorrência

Moradores de grandes centros podem nunca ter ouvido falar das Lojas Millenium. Mas em cidades pequenas ou na Região Metropolitana de Curitiba, o grupo mostra sua força. Com cerca de 600 empregados e quase 30 lojas em cidades como Colombo e Araucária, a rede de departamentos domina o varejo nos bairros.

Assista ao vídeo e conheça melhor a empresa premiada A rede de confecções e calçados para adultos e crianças, além de cama, mesa e banho começou com duas unidades em 1992 e, com um crescimento médio de mais de um novo ponto de venda por ano, fecha 2014 com 29 filiais e outras duas projetadas para março de 2015. A maior unidade fica em Araucária e tem 1.400 m2. As menores têm cerca de 400 m2.

"Quando se começa é sempre difícil. No início, eu empregava apenas uma pessoa. Hoje são quase 600 funcionários e no ano que vem devemos atingir 750. Eu não sabia onde a empresa ia chegar, mas sabia que queria ir para frente", conta Orides Marques de Almeida, dono da Lojas Millenium.

Para crescer tanto, a empresa investiu em um nicho de mercado. Essa decisão está exposta de forma clara em uma das visões – "ser a melhor loja do bairro" – e no slogan "Aqui, você pode!". Para atender clientes das classes C, D e até E, as lojas são posicionadas em cidades da Região Metropolitana de Curitiba e outras de menor porte. "Conseguimos dominar o comércio desses lugares, já que as grandes redes ainda não estão ali", conta Almeida.

Uma estratégia para atrair e fidelizar consumidores foi a criação do Cartão Millenium, um cartão de crédito da bandeira Senff que pode ser usado tanto para parcelar compras na própria loja como em outros estabelecimentos. Segundo Almeida, a ideia não chega a ser inovadora para o varejo, mas é uma novidade para os moradores de várias das regiões em que as lojas estão instaladas.

Para alavancar as vendas, a equipe começa o cadastramento dos cartões antes mesmo de abrir uma unidade nova, em uma determinada região. Assim, quando a loja é inaugurada, os consumidores estão aptos a comprar.

(function(d, s, id) { var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0]; if (d.getElementById(id)) {return;} js = d.createElement(s); js.id = id; js.src = "//connect.facebook.net/pt_BR/all.js#appId=254792324559375&xfbml=1"; fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk'));

Bem Feito no Paraná 2014 | 1:56

Rede Milenium cresce pelos bairros

São quase 30 anos de tradição e dezenas de lojas espalhadas por bairros de Curitiba e região metropolitana. A Milenium começou no centro de Colombo e agora domina o comércio voltado para as classes C, D e E.

VER MAIS VÍDEOS

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]