Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Os vencedores de 2014: quatro empresas buscam bicampeonato. | Hugo Harada/Gazeta do Povo
Os vencedores de 2014: quatro empresas buscam bicampeonato.| Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo

O Prêmio Bem Feito no Paraná 2015 entra nesta semana em sua fase final de avaliação dos cases de gestão de empresas paranaenses. Promovido pela Gazeta do Povo em parceria com a Escola de Comunicação e Negócios da Universidade Positivo (UP), o projeto selecionou 20 finalistas nas áreas de serviços e comércio, indústria e startups.

As empresas farão uma apresentação nesta segunda-feira (comércio e serviços) e terça-feira (indústria e startups) na qual mostrarão os processos de gestão que as colocaram entre as melhores do Paraná. Elas foram selecionadas a partir de um questionário de autoavaliação desenvolvido pelos professores da Escola de Negócios da UP, que resultou em um escore que classificou as companhias com os melhores indicadores.

A ideia da apresentação é permitir que as empresas deem exemplos concretos de como aplicam seus modelos de gestão e permitir que seus resultados sejam avaliados por especialistas. O resultado com os vencedores será anunciado em uma cerimônia na quarta-feira (28).

Entre as finalistas de 2015, quatro estão no páreo para o bicampeonato: Risotolândia, Tecnospeed, Volvo do Brasil e Escola O Pequeno Polegar. Nesta edição, a comissão ainda vai destacar o prêmio de inovação em recursos humanos entre as primeiras colocadas de cada categoria.

O Bem Feito no Paraná surgiu a partir da iniciativa da editoria de Economia do jornal, que, em 2013, elencou 30 exemplos de empresas paranaenses com participação relevante no mercado nacional. Para dar continuidade ao projeto, no ano seguinte, o Bem Feito no Paraná foi transformado em premiação, em que as empresas vencedoras foram avaliadas por critérios técnicos de desempenho de mercado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]