Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Economia
  3. George Soros compra mais de R$ 1 bi em ações da Petrobras

Petróleo

George Soros compra mais de R$ 1 bi em ações da Petrobras

Segundo agência Bloomberg, fundo do megainvestidor internacional colocou estatal como seu maior investimento

  • G1/Globo.com
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O megainvestidor americano George Soros comprou no mercado uma participação de US$ 811 milhões (cerca de R$ 1,6 bilhão) na Petrobras no segundo trimestre, fazendo da estatal o maior investimento do fundo administrado por Soros. Segundo a agência Bloomberg, a aquisição representa 22% do total de 3,68 bilhões de ações e de Recibos de Depósitos de ações (ADRs) detidos pelo Soros Fund Management.

De acordo com a Bloomberg, o fundo de Soros não havia anunciado qualquer compra de ações da Petrobras até o fim do primeiro trimestre.

Um analista citado pela Bloomberg, ao comentar a compra, afirmou que "a Petrobras tem algo que outras companhias não têm: petróleo", referindo-se ao anúncio da descoberta do megacampo de Tupi, o maior já encontrado nas Américas desde 1976.

Segundo a agência, as ações da estatal brasileira giravam em torno de US$ 64,83 quando o fundo de Soros comprou os papéis. De lá para cá, os papéis perderam mais de 20%. Mesmo assim, a empresa é a terceira mais lucrativa das Américas, segundo estudo da consultoria Economática. No entanto, a consultoria disse ainda que a Petrobras já perdeu mais de US$ 97,5 bilhões em valor de mercado desde maio .

Na mesma apresentação à Comissão de Valores dos EUA, feita no dia 30 de junho, o investidor George Soros anunciou ainda ter elevado sua participação no banco de investimentos Lehman Brothers de 10 mil para 9,5 milhões de ações . A operação foi realizada antes de as ações do banco de investimentos terem sofrido fortes quedas em meados de julho.

De acordo com a quantidade de ações do Lehman divulgadas em sua mais recente apresentação trimestral, 9,5 milhões de papéis equivalem a uma participação de 1,4%.

O húngaro naturalizado americano George Soros, de 77 anos, é conhecido como "o homem que quebrou a libra" por apostar contra a moeda britânica, em 1992. Na época, o Fundo Quantum de Soros fez quase US$1 bilhão, mas sofreu fortes perdas em 2000 devido a uma aposta errada em ações de alta tecnologia. Desde então, Soros tem usado sua fortuna para ajudar a resolver o que ele vê como fracasso de um sistema financeiro global que penaliza países pobres.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE