Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Ronald Ravedutti morreu em um acidente na BR-116, na região metropolitana de Curitiba | Marcelo Elias / Arquivo Agência de Noticias Gazeta do Povo
Ronald Ravedutti morreu em um acidente na BR-116, na região metropolitana de Curitiba| Foto: Marcelo Elias / Arquivo Agência de Noticias Gazeta do Povo

O Governo do Paraná decretou luto oficial de três dias pela morte do presidente da Companhia Paranaense de Energia (Copel), Ronald Ravedutti. Ele havia assumido o comando da estatal em abril deste ano, acompanhando a nova equipe formada pelo governador Orlando Pessuti (PMDB).

A pedido do governador, o velório de Ravedutti foi realizado no Palácio das Araucárias. Pelo microblog Twitter, Pessuti lamentou a morte do presidente da Copel e exaltou sua atuação profissional. "Estou de luto pelo falecimento do Ronald Ravedutti. Perdemos um grande amigo e um excelente profissional", dizia a mensagem, que também afirmava que a sua trajetória profissional de 40 anos na empresa o levou a ocupar cargos importantes da companhia.

Também no Twitter, o senador Alvaro Dias se manifestou sobre a perda. "Os meus sentimentos e a solidariedade irrestrita a familiares e amigos de Ronald Revedutti, especialmente ao Governador Pessuti", disse. A senadora eleita Gleisi Hoffmann lembrou que havia se encontrado com o presidente da Copel há dois dias. "Lamento muito o falecimento de Ronald Ravedutti. Estivemos juntos na última segunda-feira para tratar de avanços para a empresa", declarou.

Na sessão desta quarta-feira da Assembleia Legislativa, diversos deputados estaduais elogiaram a atuação de Ravedutti à frente da Copel. "Ele não apenas ocupava um cargo em uma empresa estatal. Era uma apaixonado pela Copel e falava da companhia como algo do Paraná e não de um governo específico. Os paranaenses perdem uma grande pessoa", afirmou a deputada Rosane Ferreira, do PV. "Ele era um homem de pegada, sem burocracias. Um homem disposto a realmente doar-se para construção de uma Copel mais forte e de um novo Paraná", declarou o deputado do PMDB, Artagão Jr.

Luiz Claudio Romanelli, do PMDB, destacou a atenção de Ravedutti com os parlamentares. "Sempre recebeu os parlamentares da Assembleia com nossas reivindicações. Embora fosse um profissional técnico, sempre teve muita sensibilidade política", disse.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]