Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Brasília – Terminado o período de trégua dado pelos fiscais federais agropecuários ao governo, a categoria voltará a fazer greve a partir de terça-feira, o que pode afetar o comércio de produtos agropecuários do país com o exterior. Em nota divulgada ontem, a Associação Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários (Anffa) informou que a paralisação será retomada até que o governo atenda os pleitos da categoria.

Os fiscais e o governo estão em negociação há mais de dois meses e o pedido inicial da categoria era de reajuste salarial de 45%. Na nota, os fiscais informam que a decisão de retomar a paralisação foi tomada "em função da proposta de reestruturação remuneratória apresentada pelo governo federal não estar de acordo com o compromisso assumido entre o ministro interino, deputados da Comissão de Agricultura da Câmara e os fiscais, realizada em 2 de agosto de 2007".

O secretário-executivo Silas Brasileiro assumiu a função de ministro interino durante viagem do titular, Reinhold Stephanes, ao México no começo do mês. De acordo com a associação, serão mantidos o atendimento normal a produtos perecíveis e às demais solicitações do público com 30% do efetivo dos fiscais, conforme o disposto na legislação vigente ou eventual decisão proferida pela Justiça Federal Os fiscais são responsáveis pela fiscalização das cargas que transitam pelos portos, aeroportos e fronteiras do país.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]