Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Pressionada por aumentos nos preços agrícolas no atacado e inflação de alimentos no varejo, o Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) acelerou na segunda prévia de setembro, ao registrar inflação de 1,03%. O resultado é quase o dobro da taxa de 0,55% apurada em igual prévia do mesmo indicador em agosto. A taxa, anunciada nesta terça (21)pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), ficou dentro das estimativas dos analistas, que esperavam inflação entre 0,92% e 1,16%, com mediana de 1,05%.

A FGV informou ainda os resultados dos três componentes do IGP-M. O Índice de Preços por Atacado - Mercado (IPA-M) subiu 1 45% na segunda prévia de setembro, após avançar 0,89% em igual prévia de agosto. Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor - Mercado (IPC-M) teve alta de 0,24% na segunda prévia deste mês ante taxa negativa de 0,28% na segunda prévia do mês passado. Já o Índice Nacional do Custo da Construção (INCC) registrou taxa positiva de 0,14%, após subir 0,27% na segunda prévia de agosto.

A taxa acumulada do IGP-M é usada no cálculo de reajuste nos preços dos aluguéis. Até a segunda prévia de setembro, o IGP-M acumula aumentos de 7,76% no ano e de 7,64% em 12 meses. O período de coleta de preços para cálculo da segunda prévia do IGP-M deste mês foi do dia 21 de agosto ao dia 10 de setembro.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]