Os portos públicos e terminais de uso privativo brasileiros movimentaram 182 milhões de toneladas de carga no segundo trimestre de 2010, volume 9,6% superior ao verificado no mesmo período de 2009. Com isso, no primeiro semestre do ano, os portos brasileiros transportaram 344 milhões de toneladas de carga, superando em 11,7% a movimentação verificada nos primeiros seis meses do ano passado. Do total, dois terços do volume movimentado neste ano ocorreu em portos privativos.

Os dados foram divulgados pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). A Agência estima que a movimentação total de cargas em 2010 deverá atingir a marca de 760 milhões de toneladas, com o crescimento de 3,8% com relação a 2009, quando os portos lidaram com 732 milhões de toneladas de cargas.

A própria agência ressalta, entretanto, que, mesmo com o crescimento, a atividade dos portos deverá ainda ficar aquém das 768,3 milhões de toneladas transportadas em 2008. Foi em setembro daquele ano que a crise internacional ficou mais aguda, com a quebra do banco americano Lehman Brothers.

O balanço da Antaq leva em conta os principais portos marítimos brasileiros e alguns portos fluviais de maior movimentação como o de Manaus (AM).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]