Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Economia
  3. Mudanças levam Brasil a subir 16 posições em ranking de facilidade de fazer negócios

banco mundial

Mudanças levam Brasil a subir 16 posições em ranking de facilidade de fazer negócios

De acordo com o banco, pela primeira vez em 16 anos, desde que o relatório Doing Business começou a ser publicado, o Brasil fez seu maior número de reformas e superou todos os países da América Latina neste aspecto

  • Folhapress
 | Albari RosaGazeta do Povo
Albari RosaGazeta do Povo
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Mudanças feitas pelo Brasil no ano passado fizeram com que o país avançasse mais de 15 posições, saindo do 125º e chegando ao 109º lugar, em ranking do Banco Mundial que avalia a facilidade de fazer negócios em 190 países. 

De acordo com o banco, pela primeira vez em 16 anos, desde que o relatório Doing Business começou a ser publicado, o Brasil fez seu maior número de reformas e superou todos os países da América Latina neste aspecto. 

LEIA MAIS: Veja o índice de Liberdade Econômica 2018

Quatro mudanças são citadas como essenciais para o avanço: introdução de certificados digitais para importação, aprimoramento do acesso ao crédito, criação de sistema online para facilitar abertura de empresas e adoção de sistema eletrônico para gestão do fornecimento de energia. 

Essas mudanças ajudam eliminar obstáculos para o empreendedorismo, fator importante para reduzir a pobreza, afirmou o diretor do Banco Mundial para o Brasil, Martin Raiser. "O Brasil deixou claro o seu compromisso em melhorar o ambiente de negócios para as pequenas e médias empresas."

Outros países da América Latina e Caribe também apresentaram um histórico notável de reformas como Bahamas, El Salvador, Paraguai e Peru, com duas reformas cada. 

Apesar de melhorar o ambiente para os negócios, o Brasil ainda está atrás de outros países desta região, como México (54ª posição), Colômbia (65ª posição) e Costa Rica (67ª posição).

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE