i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Federal Reserve

Política do BC norte-americano considera impacto no exterior

O Fed tem sido criticado por supostamente ignorar o impacto de suas políticas no exterior

  • PorEstadão Conteúdo
  • 11/10/2014 17:25

O vice-presidente do Federal Reserve, Stanley Fischer, disse neste sábado que o banco central norte-americano é bastante consciente das repercussões globais de seus atos. O Fed tem sido criticado por supostamente ignorar o impacto de suas políticas no exterior. "Num mundo em que a economia e o sistema financeiro estão cada vez mais integrados, um banco central não pode ignorar as repercussões além de suas fronteiras, e o Fed não é uma exceção", disse Fischer, que assumiu o cargo em maio.

"O estado da economia norte-americana é afetado consideravelmente pelo estado da economia mundial. O Federal Reserve dedica recursos significativos para monitorar a evolução na economia de outros países, inclusive a de mercados emergentes", afirmou.

Ele reconheceu, no entanto, o impacto de algumas medidas do Fed sobre os mercados financeiros internacionais. "Não há muita dúvida de que as ações agressivas adotadas pelo Federal Reserve para mitigar os efeitos da crise financeira global afetaram consideravelmente os preços de ativos aqui e no exterior, assim como o fluxo internacional de capitais."

Fischer disse ainda que o Fed ficará bastante atento ao impacto global de um aumento da taxa de juros nos Estados Unidos. A expectativa é de que o aperto monetário no país tenha início no primeiro semestre de 2015, após mais de seis anos de juro zero.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.