i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Opinião

Política, eleições, empreendedorismo e sustentabilidade

  • PorNorman de Paula Arruda Filho, presidente do ISAE/FGV
  • 19/09/2012 21:24

Com a aproximação das eleições municipais começo a prestar atenção nas propostas e bandeiras dos candidatos. A cada entrevista ou propaganda eleitoral, fico atento a inciativas que envolvem a promoção do empreendedorismo, a geração de renda sustentável e o desenvolvimento econômico inclusivo.

Assim como falado em minha última coluna neste espaço, onde trouxe os impactos de um programa federal na melhoria da qualidade de vida da população brasileira – o Empreendedor Individual – volto a mencionar que a área pública possui um papel essencial na construção de um futuro mais sustentável e feliz para os brasileiros.

Afinal, o setor público é peça chave na propulsão de políticas que ajudarão nosso país a melhorar indicadores como pobreza, educação de qualidade de vida e o próprio bem estar da população.

Além do investimento em áreas chave como a educação, uma forma de atingir estes objetivos é investir em programas que contribuam para o empreendedorismo, sem perder de vista o cuidado com as pessoas e com o meio ambiente.

No dia 11 de setembro reunimos os candidatos a Prefeitura Municipal de Curitiba, e seus representantes, para uma rodada sobre o assunto. Em parceria com o Instituto Ethos e diversas organizações, a experiência proporcionou um debate interessante sobre a participação pública em questões relacionadas a temas como sustentabilidade, ética e transparência, demonstrando que este é um discurso que já ultrapassou a arena da gestão privada.

Conforme consta no documento final da Rio+20 "O Futuro que Queremos", a parceria entre o setor privado, sociedade civil e área pública é vital para a consolidação de um futuro onde exista a ética do cuidado ambiental e social. Ou seja, esta responsabilidade não é apenas das empresas, mas de todas as esferas. Há 10 anos atrás, este jamais seria objeto de um debate político. Que este seja um tema a ser avaliado por todos nós que temos a responsabilidade do voto.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.