Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A estatal chinesa Sinopec, que lidera o maior programa de construção de dutos do mundo, veio à Rio Pipeline buscando parcerias com empresas brasileiras que possam participar da construção de 12 mil km de dutos previstos na expansão da malha daquele país. Para tanto, serão investidos em cinco anos US$ 15 bilhões.

Segundo o vice-presidente da empresa, Xia Yu Fei, ainda não existem contratos fechados com empresas brasileiras, mas é possível que isso aconteça em breve. O executivo disse ainda que empresas brasileiras farão uma missão empresarial ao país asiático em maio do ano que vem para desenvolver eventuais parcerias.

Além de parcerias para atuar na China, a empresa busca atuar também aqui no Brasil.

A Sinopec participa da licitação para a construção do trecho do gasoduto da Petrobras Gasene (Gasoduto Sudeste-Nordeste) que vai da Cabiúnas (RJ) até Vitória (ES). A expectativa é de que a Petrobras abra os envolopes com as propostas até o mês que vem.

A delegação chinesa, formada por outras três empresas, além da Sinopec, montou um pavilhão sino-brasileiro na Rio Pipeline. As outras companhias são Baoostel, BWP e CNPC.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]