A Prefeitura de Curitiba pretende capacitar 7 mil jovens carentes da cidade por meio do programa Projovem, do Ministério do Trabalho e Emprego. As inscrições para participar dos cursos (são 44 em 11 áreas) vão até o dia 15 de junho. Os participantes receberão auxílio financeiro durante os 6 meses de duração do programa, além de auxílio-alimentação e vale-transporte. A prefeitura pretende ainda colocar pelo menos 30% dos alunos no mercado de trabalho após o curso.

Podem participar jovens desempregados de 18 a 29 anos, que sejam membros de famílias com renda de até um salário mínimo por pessoa. Eles devem estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental ou o ensino médio. O programa não é aberto para quem estiver cursando o ensino superior.

Os cursos, em apenas um turno (manhã, tarde ou noite), terão seis meses de duração. A qualificação profissional abrange 11 diferentes áreas: administração, alimentação, beleza e estética, construção e reparos, esporte e lazer, madeira e móveis, serviços domésticos, telemática, transporte, turismo e hospitalidade e vestuário. Para cada uma destas áreas são quatro cursos, e os inscritos participarão dos quatro.

As inscrições são gratuitas. É possível se inscrever na sede da Secretaria Municipal do Trabalho, na Rua Barão do Rio Branco, 45, no Centro de Curitiba, ou nas Ruas da Cidadania. A prefeitura também fez um convênio com várias igrejas e associações de bairro, onde também é possível fazer inscrições.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]