i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Véspera de Natal

Preço cai e aumentam as vendas de TVs de plasma e LCD

  • PorO Globo Online
  • 18/12/2006 10:27

Quem teve paciência para esperar a Copa do Mundo da Alemanha passar, já pode comemorar: os televisores de plasma e de cristal líquido (LCD) estão bem mais acessíveis. No Brasil, segundo dados da Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos), as vendas de TVs de uma forma geral cresceram 23,39%, no acumulado até setembro em comparação ao mesmo período do ano passado.

Os preços dos televisores analógicos e de alta definição caíram em média 15,2%. De janeiro até setembro de 2006, as TVs de 20" registram queda de 8,68% e os aparelhos de 29", 21,4% no mesmo período.

Entre os meses de abril e junho de 2006, às vésperas da Copa do Mundo, uma TV de plasma Philips, de 42 polegadas, era vendida a R$ 8.999, aparelho que pode ser adquirido hoje por cerca de R$ 5 mil.

Em recente entrevista, o presidente da Sony Electronics, Stan Glasgow, apostou que os preços dos televisores de cristal líquido devem cair entre 25% e 30% até o fim deste ano em todo o mundo. Já analistas têm sido surpreendidos pela velocidade na queda dos custos defendidos pelos fabricantes.

- Os preços aqui nos Estados Unidos têm caído muito agressivamente, mais do que o esperado - afirmou Steve Baker, analista da consultoria NPD Techworld.

Outro exemplo pode ser citado a partir de uma TV de plasma da Gradiente, de 42 polegadas, que está custando entre R$ 4,5 mil e R$ 6 mil. Em um levantamento realizado no início deste ano pela rede de hipermercados Extra, o mesmo aparelho de plasma custava R$ 7.999 nas filiais da rede, contra os R$ 17.999 avaliados em março de 2005.

Consultadas, as fabricantes Philips, LG e Samsung não arriscaram antecipar se os preços dos aparelhos tendem a cair ainda mais para o Natal ou até o início de 2006. A Philips confirmou que os valores dos aparelhos já estão estacionados. Já a LG comentou que "não faz política de preços" e a Samsung preferiu não revelar se adotará possíveis promoções. A Gradiente também entrou para a lista de empresas que se esquivam de antecipar apostas, mas as ações trazem mensagens subliminares: pouco mais de um mês antes do Natal, a marca lançou versões de alta definição (HDTV) de sua linha de plasma e LCD.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.