Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O superávit da balança comercial (exportações menos importações) atingiu a marca dos US$ 20 bilhões no acumulado deste ano, até 6 de setembro, informou nesta terça-feira (8) o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Entre janeiro e o dia 6 deste mês, segundo o MDIC, o saldo positivo da balança somou exatos US$ 20,44 bilhões. Na comparação com igual período do ano passado, quando o superávit estava em US$ 17,22 bilhões, houve um crescimento de 18,7%, segundo números do MDIC.

A explicação para o crescimento do superávit da balança neste ano é a queda maior das importações no decorrer de 2009 - que é uma das consequências da crise financeira internacional. No acumulado deste ano, as vendas ao exterior caíram 24,8%, enquanto as importações recuram 31,3%.

Exportações em US$ 100 bilhões

No acumulado deste ano, até 6 de setembro, as exportações somaram US$ 100,67 bilhões e, com isso, ultrapassaram a barreira dos US$ 100 bilhões, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento. Aprevisão do governo é de exportar US$ 160 bilhões em 2009, o que representará, se for confirmada a expectativa, uma queda de 20% em relação ao valor exportado no ano passado. Neste ano, até 6 de setembro, as compras do exterior totalizaram US$ 80,22 bilhões no acumulado de 2009.

Projeção do mercado

O Banco Central informou nesta terça-feira (8) que a projeção do mercado financeiro para o saldo positivo da balança comercial em 2009 subiu para US$ 24,3 bilhões. Há alguns meses atrás, a expectativa de saldo positivo estava em US$ 16 bilhões. Em 2008, a balança comercial teve superávit de US$ 24,7 bilhões, com forte queda de 38,2% frente ao ano de 2007, quando o resultado positivo somou US$ 40 bilhões.

Primeira semana de setembro

Na primeira semana de setembro, a balança comercial registrou um superávit de US$ 480 milhões, informou o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior nesta terça-feira. Entre os dias 1 e 6 deste mês, as exportações totalizaram US$ 2,73 bilhões, com média diária de US$ 684 milhões. No mesmo período, as importações somaram US$ 2,25 bilhões, ou US$ 564 milhões por dia útil.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]