Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Cascavel – O Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu anteontem à noite a reintegração de posse à antiga diretoria da Ferropar (Ferrovia Paraná), que estava afastada desde 18 de agosto por causa da intervenção do governo do estado do Paraná. O diretor de produção da Ferropar, Horácio Guimarães, disse que a decisão, ainda não definitiva, é o reconhecimento do esforço da diretoria em melhorar a ferrovia, que liga Cascavel a Guarapuava. A Ferropar está sob a direção do interventor Saulo de Tarso Pereira, nomeado pelo governador Roberto Requião para administrar a estrada de ferro por um período de 180 dias. Saulo não foi encontrado ontem para falar sobre a decisão da Justiça. A intervenção administrativa na Ferropar vinha sendo ensaiada desde ano passado pelo governo estadual, que estava descontente com a atuação da concessionária. O governo acusa a diretoria da empresa concessionária da Ferroeste de descumprir cláusulas do contrato de concessão assinado em fevereiro de 1997. Desde a intervenção, a operação a Ferroeste foi assumida pela América Latina Logística (ALL).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]