i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Aviação

VarigLog prevê uma Varig enxuta, confirmam fontes

  • PorO Globo/Globo Online
  • 27/06/2006 09:33

Uma nova Varig, com menos funcionários e menos gastos operacionais, está sendo prevista pela VarigLog, confirmam fontes ligadas ao processo de avaliação da oferta da ex-subsidiária pela companhia aérea. Na segunda-feira, a Justiça do Rio estendeu até quarta-feira o prazo para que a VarigLog explique com detalhes a proposta de compra da Varig.

Segundo fontes, um dos pontos que estão sendo detalhados na Justiça seria um formato mais enxuto da empresa, com previsão de cortes de funcionários para um ajuste operacional e financeiro. Ainda segundo profissionais envolvidos no processo, a VarigLog prevê uma futura retomada do quadro de funcionários a partir do crescimento na participação de mercado (market share) da companhia aérea - que, até maio, era de pouco mais de 14% das rotas nacionais.

O pedido de extensão do prazo foi feito pelos advogados da Varig para que os credores e o administrador judicial tenham mais tempo para estudar a oferta. Segundo o administrador judicial da Varig Luiz Roberto Fiori, diretor da consultoria Deloitte, um dos pontos em discussão na proposta da VarigLog diz respeito à continuidade da antiga Varig, que, no plano de recuperação judicial aprovado pelos credores, fica com a dívida passada e continua em recuperação judicial. Fiori disse que a continuidade da Varig antiga é importante no processo e que a empresa, após o leilão, não poderá existir só no CNPJ.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.