O ministro da Defesa, Waldir Pires, disse nesta terça-feira que, a princípio, a VarigLog está em situação regular e que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) seguirá a decisão da Justiça do Rio, que cuida do processo de recuperação da Varig. Ele afirmou, no entanto, que a venda da Varig para a sua ex-subsidiária de transporte de cargas não é uma situação ideal, mas é a única alternativa.

- É uma solução legítima. Vamos ter agora três grupos de aviação civil no país (VarigLog, TAM e Gol). Não é a solução ideal, mas é a possível. O ideal seria que a Varig fosse comprada por Gol e TAM.

Enquanto a agonia da Varig continua, as concorrentes estão se preparando e ocupando os espaços da empresa. A partir do próximo dia 17, a TAM começa a voar para Boa Vista (RR). Fará vôos diários, a partir do Rio. A rota foi abandonada pela Varig e é atendida atualmente pela Gol, que por sua vez recebeu mais dois aviões Boeing e já tem uma frota de 50. A Gol informou que ampliará suas operações dentro do país e na América do Sul.

Leia também:

São seis os vôos cancelados pela Varig nesta terça no PR

Interatividade:

Você já enfrentou algum problema com os vôos ou bilhetes da Varig? Conte-nos sua história. Participe do fórum

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]