Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 |
| Foto:

Uma escola de Salvador (BA) convocou uma drag queen para fazer uma dança sensual  diante dos alunos. Após iniciar a apresentação usando um vestido, ela se despiu e prosseguiu usando apenas um collant e um espécie de biquini. 

Natha Sympson, que se proclama “A drag mais quente de Salvador”, esteve na semana passada no Colégio Estadual Odorico Tavares. Segundo a drag queen, o convite veio de Luciana Senna, que é a diretora da escola. Ainda de acordo com Natha, a dança fez parte de um projeto de “identidade de gênero e sexualidade”.

Performance no colégio Odorico Tavares, projeto sobre identidade de gênero e sexualidade da professora L💕💕Meu instagram: https://www.instagram.com/nathasympson/

Publicado por Natha Sympson em Sexta, 1 de dezembro de 2017

Vídeos divulgados pela própria drag queen a mostram dançando no pátio da escola. Alunos observam e vibram com a performance, ao som de Pabllo Vittar e Anitta.

“Fico feliz em saber que a arte drag queen ta invadindo tudo, com muito amor e carinho. E que ta tudo bem ser LGBT e afeminada”, disse ela. 

As cenas provocaram críticas nas redes sociais. A Gazeta do Povo tentou contato com a diretora da escola e com a Secretaria de Educação da Bahia, mas não obteve retorno até o momento.

O episódio aconteceu em um colégio mantido por uma universidade federal.#GazetadoPovo

Publicado por Gazeta do Povo em Sexta, 13 de outubro de 2017

Sabe o que é Ideologia de gênero? Os blogueiros Rodrigo Constantino, Leandro Narloch e Alexandre Borges explicam. Ouça:

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]