Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

As universidades públicas e privadas interessadas em participar da Operação Amazônia 2006 do Projeto Rondon podem se candidatar até o dia 31 deste mês. Para se inscrever, é preciso elaborar um plano de trabalho, com ações nas áreas de cidadania, bem-estar, desenvolvimento local sustentável e gestão pública. Também é necessário indicar, em ordem de prioridade, os municípios onde a universidade deseja atuar.

O Ministério da Defesa divulgará em sua página eletrônica, no dia 22 de novembro, a relação das instituições de ensino superior habilitadas. Até 12 de janeiro, as universidade selecionadas indicarão a composição de suas equipes e, em fevereiro, inicia-se a operação.

Reativado em 2004, o Projeto Rondon chegou em janeiro deste ano a 13 municípios do Amazonas, com a participação de 200 universitários. A segunda operação realizou-se neste mês, com 200 estudantes participando de atividades em seis municípios do Acre. Nesta etapa, o Projeto Rondon chegará a 40 municípios do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Serão organizadas 80 equipes, com 640 rondonistas (240 dos estados onde se desenvolverá a operação e 400 das demais regiões do Brasil). Duas instituições trabalharão na mesma localidade com o objetivo de permitir a troca de experiência entre acadêmicos de diferentes regiões.

Em cada operação, os universitários e seus professores passam de 15 a 20 dias desenvolvendo um plano de trabalho. Informações pelos telefones (61) 3312-9038, 3312-9003, 3312-8807 (Ministério da Defesa) ou (61) 2104-9909 (SESu/MEC).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]