Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O vestibular de inverno 2005 da Universidade Estadual de Maringá (UEM) ainda corre risco de ser cancelado. O Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino de Maringá (Sinteemar) entregou na terça-feira (28) um documento ao reitor da UEM, Gilberto Cezar Pavanelli, pedindo o adiamento do concurso.

De acordo com a assessoria de imprensa da universidade, o reitor enviou a proposta ao setor jurídico da instituição para verificar sua legalidade. Caso seja legal, a proposta será enviada então ao Conselho de Ensino e Pesquisa que decidirá se cancela ou não o processo seletivo. O Sinteemar espera que a proposta seja aprovada no Conselho, composto por professores, alunos e funcionários da UEM.

A suspensão do vestibular é uma forma do sindicato pressionar o governo estadual para que seja criado um plano de carreira, cargos e salários para os professores e que seja implementada a reposição salarial.

O vestibular de inverno da UEM está marcado para ocorrer de 31 de julho a 2 de agosto. Na semana passada, as cinco universidades estaduais do Paraná realizaram várias manifestações para pedir um reajuste salarial de 70% entre outras reivindicações. O Sinteemar planeja ainda fazer novas manifestações, juntamente com as outras instituições, no mês de julho em Curitiba.

Veja também
    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]