Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A partir do próximo Vestibular a Universidade Estadual de Londrina (UEL) passa a oferecer provas na Língua Brasileira de Sinais (Libras) visando atender candidatos surdos, por meio de provas que serão interpretadas por um tradutor. A novidade atende solicitações de entidades e escolas especiais e obedece ao Decreto-Lei 5626/2005, que determina que Instituições de Ensino Superior devem proporcionar tradutor e intérprete em Libras para estudantes surdos terem acesso à graduação. No ato de inscrição o candidato surdo deverá indicar a sua necessidade, no caso, a prova em Libras.

Elaine Mateus, da Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops), afirma que a expectativa é receber em torno de 20 inscrições de candidatos surdos. As questões das provas deverão ser interpretadas em Libras e transmitidas aos candidatos por meio de vídeo. Os estudantes farão as provas com auxilio de um computador.

"Queremos que os candidatos tenham total autonomia e independência para fazer as provas", define a coordenadora. Segundo ela, o uso da tecnologia garantirá segurança e a possibilidade de oferecer um recurso que colocará o candidato surdo em condições de disputar uma vaga com os demais concorrentes. A produção do vídeo em Libras será feita pelo Laboratório de Tecnologia Educacional (Labted) da UEL.

Ainda de acordo com a professora Elaine, cuidado especial será tomado na correção da prova de redação e da prova discursiva, em que os examinadores deverão considerar a realidade do candidato. "Teremos uma equipe acompanhando a correção destas provas para fazer as considerações necessárias", afirmou. A professora Silvana Araújo Silva, docente responsável pela disciplina de Libras do Departamento de Letras Vernáculas e Clássicas, esclarece que o português representa a segunda língua do surdo, que aprende a se comunicar por Libras. Dessa forma é preciso considerar a escrita dos candidatos, cuja sintaxe, concordância e regência, por exemplo, seguem outras regras.

A iniciativa de oferecer a prova em Libras para os candidatos exigirá acompanhamento especializado. Além da professora Silvana Araújo Silva, a Cops contará também com a professora Cleusa Camargo de Oliveira, do Departamento de Educação. As duas têm larga experiência na área, sendo que Cleusa perdeu a audição com seis anos de idade e posteriormente graduou-se em Pedagogia e Letras Libras.

Serviço: As inscrições para o Vestibular 2012 serão realizadas de 15 de agosto a 15 de setembro. As provas da 1ª fase serão no dia 30 de outubro. O resultado da 1ª fase e os convocados para a 2ª fase serão conhecidos no dias 7 de novembro. A 2ª fase será realizada nos dias 20, 21 e 22 de novembro. A lista de aprovados será divulgada em 17 de janeiro de 2012.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]