Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Quem é Carlos Viana, pré-candidato do PL ao governo de Minas Gerais
Carlos Viana, senador e pré-candidato ao Governo de Minas Gerais| Foto: Reprodução/Twitter Senador Carlos Viana

Carlos Viana é o pré-candidato do PL ao governo de Minas Gerais. Senador desde 2018 e vice-líder do governo na Casa, ele começou sua carreira política há quatro anos, quando deixou para trás a carreira como jornalista – profissão que lhe rendeu passagens por veículos de comunicação, como TV Globo Minas, TV Record Minas, TV Alterosa e Rádio Itatiaia, como repórter e âncora.

Desde que se elegeu para o Senado Federal, Viana trocou quatro vezes de partido: foi eleito pelo PHS, migrou para a bancada do PSD e buscou no MDB a chance de disputar o Governo de Minas Gerais, mas decidiu disputar o cargo pelo PL do presidente da República, Jair Bolsonaro, em 2022.

Mas nem mesmo o alinhamento com Bolsonaro pode garantir que Viana conte com o apoio do presidente e do partido para tentar a eleição. Bolsonaro e outros políticos influentes do PL mineiro, como o vice-presidente da Câmara dos Deputados, deputado Lincoln Portela (PL-MG), já sinalizaram que o partido quer formar uma coligação com o atual governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo). Se for firmada, a aliança terá como objetivo derrotar o ex-prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), pré-candidato ao governo mineiro com apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Viana deixou claro que só irá deixar o pleito em caso de orientação de Bolsonaro. Em sabatina ao Estado de Minas, o senador ratificou essa posição. "A tentativa é me tirar do jogo no tapetão. Não vão conseguir. Fui convidado pelo presidente Bolsonaro a ser pré-candidato em Minas. Não pedi", declarou.

O senador tem como uma das principais bandeiras de campanha o investimento no setor de turismo em detrimento da mineração. Viana justifica a decisão ao apontar que o turismo pode render mais que os R$ 30 bilhões anuais aos cofres do estado, além de gerar 390 mil empregos diretos e indiretos.

"Se o turismo for trabalhado de verdade, dobramos em 10 vezes o número de empregos e, também, a arrecadação. Sem destruição e sem deixar para trás buracos e lama. A população não quer mais mineração em área urbana. E, quando a população diz que não quer, o estado tem de começar a se adaptar", defendeu.

Ficha do candidato

  • Nome: Carlos Viana
  • Vice: Indefinido
  • Partido: PL
  • Idade: 59 anos
  • Data de nascimento: 22/03/1963
  • Ocupação: Jornalista
  • Grau de Instrução: Pós-graduação
  • Estado Civil: Casado
  • Município de nascimento: Braúnas/MG
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]