Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Jogadores do Chlesea comemoram com o troféu o título da Copa da Inglaterra, conquistado após vencer por 1 a 0 o Portsmouth, em Wembley | Eddie Keogh / Reuters
Jogadores do Chlesea comemoram com o troféu o título da Copa da Inglaterra, conquistado após vencer por 1 a 0 o Portsmouth, em Wembley| Foto: Eddie Keogh / Reuters

O Chelsea fechou a temporada com mais um título neste sábado. Depois de conquistar o Campeonato Inglês, o time londrino conseguiu um feito inédito em sua história ao ganhar a Copa da Inglaterra no mesmo ano. O triunfo, porém, não foi fácil. Com um pênalti perdido para cada lado, o Chelsea venceu o Portsmouth por 1 a 0, em duelo disputado no Estádio de Wembley, em Londres.

Além das duas conquistas importantes na temporada, a equipe do técnico italiano Carlo Ancelotti também pôde comemorar o bicampeonato seguido da Copa da Inglaterra. Na décima final que disputou, o Chelsea levou o seu sexto título da competição. Já o Portsmouth, rebaixado no Inglês, perdeu a chance de salvar a temporada com o que seria o seu terceiro título do torneio.

Apesar da clara superioridade técnica do Chelsea, o Portsmouth deu trabalho no Wembley. No primeiro tempo, o time londrino acertou a trave por cinco vezes e não conseguiu inaugurar o marcador. O jogo parecia uma repetição da semifinal, quando o Portsmouth se defendeu durante todo a partida diante do Tottenham e conquistou a vitória na prorrogação.

Mas o Chelsea não se abalou pelas chances perdidas e manteve o ritmo após o intervalo. Se no primeiro tempo o travessão impediu um gol feito do Kalou, que errou o chute sem goleiro, já dentro da pequena, outro atacante da Costa do Marfim teve melhor sorte na etapa complementar. Aos 11 minutos, Drogba cobrou falta com perfeição de longe e a bola ainda bateu na trave antes de entrar.

Antes do gol, porém, o Chelsea esteve perto de ver o Portsmouth sair na frente. Com nove minutos, o brasileiro Belletti, que tinha entrado no final do primeiro tempo no lugar do alemão Ballack, lesionado, cometeu um pênalti claro sobre o também marfinense Dindane. Boateng foi para a cobrança, mas bateu mal, no meio do gol, e o goleiro Petr Cech defendeu com os pés.

Já no final do jogo, o time londrino ainda teve a chance de tornar a vitória mais fácil, mas Lampard também desperdiçou uma penalidade. Depois de sofrer a falta na área, o próprio meia fez a cobrança para fora. Assim, o Chelsea sofreu pressão do Portsmouth até o apito final para enfim garantir o título.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]