Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Iniesta no desembarque no Aeroporto Afonso Pena após a desclassificação da Espanha | Jonathan Campos / Gazeta do Povo
Iniesta no desembarque no Aeroporto Afonso Pena após a desclassificação da Espanha| Foto: Jonathan Campos / Gazeta do Povo
  • Técnico Vicente del Bosque na chegada ao Aeroporto Afonso Pena, após desclassificação da Espanha

Eliminada e cabisbaixa, a delegação da Espanha desembarcou às 13h10 desta quinta-feira (19) no Aeroporto Afonso Pena para seus últimos seis dias de estadia no CT do Caju em Curitiba. Puxados pelo técnico Vicente del Bosque, os espanhóis desembarcaram em um ônibus na pista do pouso e não tiveram qualquer contato com torcedores ou imprensa.

Na área de desembarque não havia espanhóis, apenas torcedores e jornalistas brasileiros. Houve porem quem se vestiu de espanhol e mostrou tristeza como desempenho dos atuais campeões mundiais nos gramados brasileiros. "Esperávamos muito mais desse time. É uma tristeza grande para a gente que mora em Curitiba", disse o mecânico Luís Ricardo Ribeiro, de 27 anos, que mora no Portão e aproveitou o feriado de Corpus Christi para recepcionar a seleção espanhola.

A Espanha volta a treinar nesta quinta-feira, às 18h30, no CT do Caju, mas ainda não há informações se haverá entrevistas ao final da atividade.

Equador

Antes dos espanhóis, a delegação equatoriana já havia aterrissado no Afonso Pena. O Equador chegou às 12h25 e não havia presença der torcedores do país no local. Equador e Honduras se enfrentam sexta-feira (20), 19 horas, na Arena da Baixada, pela segunda rodada do Grupo E.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]