Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
O técnico do Uruguai, Óscar Tabárez, exaltou a dedicação dos jogadores | REUTERS / Carlos Barria
O técnico do Uruguai, Óscar Tabárez, exaltou a dedicação dos jogadores| Foto: REUTERS / Carlos Barria

Lugano não treina e deve ser desfalque contra a Itália

O capitão uruguaio Diego Lugano não deve jogar a decisão desta terça-feira (24) contra a Itália, na Arena das Dunas.

Com uma inflamação no joelho que já o tirou da vitória contra a Inglaterra, quando foi substituído por Giménez, o zagueiro não fez os mesmos exercícios que o restante da seleção realizou nesta segunda-feira (23), em Natal.

Nos 15 minutos em que a imprensa teve acesso ao treinamento, Lugano fez trabalhos específicos de fortalecimento muscular.

Enquanto os goleiros trabalhavam separadamente, os outros jogadores de linha correram no gramado e trocaram passes em velocidade (inclusive com as mãos, em um dos exercícios).

O técnico Óscar Tabárez disse que não irá revelar a escalação da equipe que enfrenta a Itália.

"Vamos decidir amanhã [terça], por uma questão de reciprocidade, de gentileza, talvez possa chegar o dia em que os técnicos enviem as escalações uns para os outros, assim vamos nos ajudar. Mas eu não vou fazer isso hoje, não vejo sentido em dizer isso. O jogo passado foi excelente, equilibrado como time, vamos aguardar antes de decidir a escalação", disse o treinador uruguaio. (Folhapress)

O técnico do Uruguai, Óscar Tabárez, apontou a Itália como favorita para o confronto decisivo desta terça-feira (24), na Arena das Dunas, em Natal. O treinador disse nesta segunda (23) que os uruguaios têm uma "pequena margem" para a vitória, mas não têm medo.

"Não há espaço para medo no futebol. Você pode ficar com medo na vida, mas não no futebol. Pode haver preocupações, é claro. No caso de Balotelli, é um grande jogador. É jovem, um especialista em jogar nos últimos metros do campo."

Tabárez falou antes do treinamento que a equipe realizou na tarde desta segunda-feira, na Arena das Dunas, palco do confronto decisivo pelo Grupo D.

A seu favor, o técnico uruguaio vê uma dedicação extrema dos jogadores e um sentimento de entrega para representar o povo. "Estes rapazes têm um sentimento de pertencimento à seleção que é algo que vem crescendo com o tempo. Esse valor se dá também à sensação que eles tiveram no contato com o povo", afirmou.

Astro do time na vitória contra a Inglaterra, o atacante Luis Suárez disse que, seja qual for o resultado, "será um jogo lindo para se assistir", assim como afirmou que não há qualquer problema em relação à cirurgia no joelho à qual foi submetido menos de um mês antes da Copa. "Depois da cirurgia, você precisa de algum tempo para sentir a reação. Se o joelho não estivesse bom, eu teria dito ao técnico que não estaria à disposição. Mas está tudo bem."

O jogador, que atua no Liverpool, disse conhecer o estilo dos italianos por ter enfrentado muitos deles nos campeonatos organizados pela Uefa, mas não enxerga grande vantagem por isso. "Sabemos como eles são bons, fortes e organizados, deixando o mínimo espaço para os atacantes", afirmou.

O horário da partida, às 13 horas desta terça, preocupa o técnico Tabárez. "Vai ser um fator possivelmente limitante, mas para as duas equipes. Não acho que o calor que pode fazer amanhã possa ser uma vantagem para qualquer uma das duas", opinou.

Apesar dos temores de calor e sol forte, o tempo nesta segunda-feira em Natal voltou a ficar nublado e chuvoso. A previsão para esta terça-feira é de mais chuva, mas com temperatura máxima de 29°C.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]