Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | OLI SCARFF/AFP
| Foto: OLI SCARFF/AFP

Gabriel Jesus será o capitão da seleção brasileira no amistoso contra a Croácia neste domingo (3). Ele admitiu que ficou surpreso com a escolha, mas garantiu estar preparado para exercer o cargo. O jogador também falou sobre a emoção de vestir a camisa nove na Copa.

“Quando fiquei sabendo da questão da faixa, fiquei muito surpreso, mas já sabia que o professor Tite quer todos com liderança na seleção. Aceitei normalmente, tranquilo”, disse.

Com 21 anos e dois meses, ele será um dos mais novos capitães da seleção brasileira. O mais novo foi Zé Elias, em 1995, com 19 anos, em amistoso contra a Romênia. O atacante do Manchester City disse que, se precisar, vai até dar bronca. Em tom de brincadeira, revelou que avisou ao lateral-direito Danilo que se ele não cruzar direito durante o amistoso, vai levar pito.

Outra surpresa na vida de Gabriel Jesus foi vestir a camisa nove da seleção brasileira em uma Copa do Mundo. Ele contou que há dois anos nem sonhava com isso. “A (camisa) 9 eu não esperava. Eu não esperava nem ser jogador de futebol um dia, mas sempre sonhei. Com a 9, não é diferente. Sempre sonhei, sempre fui atrás, e hoje tenho essa oportunidade de vestir a camisa”. Agora, ele espera fazer história como fizeram vários outros noves da seleção.

Questionado sobre seu bom relacionamento com a maior estrela da companhia, Neymar, Gabriel Jesus confirmou, mas ressaltou que se dá bem com todos na seleção brasileira. “Eu não vejo que é só com o Neymar, mas com todos. Às vezes só focam com ele. Mas eu tenho muito bom relacionamento com todos. Não tem essa.”

Ele lembrou que seu primeiro contato com Neymar foi na Olimpíada do Rio, em 2016, e que eles logo se entenderam muito bem. “Ele foi muito parceiro. E conquistamos um título muito difícil, sofremos juntos. Tenho um ótimo relacionamento com ele e com todos.”

Neymar entra no segundo tempo

Neymar vai jogar o segundo tempo da partida. A confirmação foi dada pelo técnico Tite neste sábado (2). O craque se recupera da fratura no quinto metatarso do pé direito e vai voltar a campo justamente no dia em que completa três meses da cirurgia a que foi submetido. O capitão ser[á

“Ele vai ficar no banco porque estamos no processo de recuperação. E vai entrar no intervalo por é um jogo de nossa preparação”, disse Tite. “Quem vai sair eu não sei, mas ele vai entrar.”

Tite disse que não vê o atacante pressionado por ter de “resolver as coisas” para a seleção brasileira na Copa do Mundo. “Ele tem de ser protagonista, mas os outros também têm de ser.”

Neymar está afastado do futebol desde o fim de fevereiro, quando se contundiu a serviço do Paris Saint-Germain. Mesmo assim, é a grande esperança da seleção brasileira para tentar o hexacampeonato mundial na Copa da Rússia. O amistoso contra a Croácia será o seu primeiro teste desde a grave contusão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]