Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Foto de Arquivo.
Foto de Arquivo.| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O meia Giovanni saiu indignado com o empate frustrante do Coritiba contra o Cuiabá. O Coxa esteve três vezes na frente do placar, mas vacilou e sofreu dois gols em jogadas aéreas de bola parada.

TABELA: confira a classificação e os próximos jogos da Série B

É vergonhoso isso. Vou até tomar cuidado com as palavras. Mas não dá. Tomamos gols bobos. Se o Cuiabá rodasse bem a bola e ganhasse é uma coisa. Mas sofrer os gols de bola parada é ridículo”, cobrou o camisa 10 em entrevista à as rádio Transamérica e Banda B. Giovanni foi autor da assistência para o gol de Serginho, o primeiro da partida.

Já Jorginho disse que acalmou os ânimos no vestiário. O técnico acredita que "faltou malandragem" ao time no final para deixar o tempo passar e conquistar a vitória.

Rafinha se destaca e zaga é o ponto fraco. Veja as notas dos jogadores do Coxa contra o Cuiabá

"Vergonha de forma nenhuma. Na hora que o atleta sai, ele está desesperado, magoado. É normal. Os jogadores começarem a falar dentro do vestiário e nessa hora eu falei para eles ficarem caladinhos. Não adianta porque vão acabar machucando um ao outro", revelou o técnico.

Por fim, o atacante Rodrigão minimizou o resultado. Ele voltou a balançar as redes após 11 jogos. “A equipe sabe que o resultado não foi bom. Mas é um jogo difícil, tem a questão do calor, fora de casa. Não vou dizer que foi vacilo. Mas temos que corrigir os erros que teve no jogo”, analisou o camisa 9.

Próximos jogos do Coritiba

  • Botafogo-SP x Coritiba - 1/11, às 19h30
  • Coritiba x Sport - 4/11, às 20h
  • Figueirense x Coritiba - 8/11, às 21h30
  • Brasil-RS x Coritiba - 12/11, às 19h15

Tempo real de Cuiabá x Coritiba

19 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]