i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Política

Atlético aprova FunCAP e projeta universidade em reunião com choro de Petraglia

Presidente do Conselho Deliberativo se emocionou ao disparar contra opositores, reclamou da desconfiança no projeto rubro-negro e refutou fazer plebiscito com os sócios

  • PorDaniel Zanella
  • 27/08/2016 16:25
Petraglia fala ao Conselho Deliberativo em reunião no CT do Caju. | TV CAP/Reprodução
Petraglia fala ao Conselho Deliberativo em reunião no CT do Caju.| Foto: TV CAP/Reprodução

O Conselho Deliberativo do Atlético se reuniu nesta manhã de sábado (27) para, entre outros temas, aprovar o projeto da Fundação do Clube Atlético Paranaense, a FunCAP, e mostrar o plano de execução. O organograma defende que a fundação utilizará o futebol como ferramenta para o desenvolvimento educacional e social, em comunhão com diversos setores da sociedade.

Na prática, divide a ideia em seis comitês de ações e define os parceiros estratégicos para captação de fundos, além de prever a criação de uma universidade atleticana, a UniCAP. “A nossa fundação será referência no Brasil, nas Américas e no mundo”, profetizou Roberto Bonnet, 2º Secretário do Conselho. “Não temos como sangrar o clube financeiramente e continuar investindo em projetos sociais”, continuou.

Os primeiros passos da fundação envolvem a elaboração do site da FunCAP, o aumento da receita das escolinhas do clube, por meio da comercialização de licenças, kits e patrocínios com a marca da Escola Furacão, e a captação financeira junto a pessoas físicas e jurídicas, inclusive por meio de crowdfunding (financiamento coletivo). A projeção é de que até 2019, o “corpo” da fundação esteja pronto.

Protesto da Fanáticos e ‘fim’ de cargos vitalícios na FunCAP marcam encontro

Leia a matéria completa

Entre as diversas ações sociais, o passo mais ambicioso da FunCAP é a criação da UniCAP, a universidade do Atlético, que prestaria cursos de graduação, extensão em diversas áreas esportivas, como Gestão Esportiva, Medicina do Exercício, Direito Esportivo, Marketing Esportivo e Treinamento Desportivo, além da promoção de congressos. “Estamos preocupados com o futuro profissional dos jogadores que não se profissionalizam. Que eles saiam daqui com 18, 19 anos e, ao menos, tenham uma base, uma profissão que possam dar continuidade às suas vidas. Uma grande universidade convivendo com o clube de futebol”, definiu Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho Deliberativo do Atlético. Ele citou “universidades do Chile” como exemplo. Naquele país, duas equipes que levam o nome de instituições de ensino são bem conhecidas: Universidad de Chile e Universidad Católica.

De acordo com Bonnet, o objetivo geral da FunCAP é estabelecer diversas medidas direcionadas à comunidade e à formação de crianças e jovens, além de, no processo, divulgar e propagar a marca CAP. “Tivemos a Arena. Tivemos a Copa. Tivemos o teto retrátil. Tivemos a grama sintética. Todos projetos questionados, que acharam que não sairiam do papel. E agora teremos a fundação”, alega.

Ataque

Segundo Petraglia, para financiar o projeto, o Atlético não irá transferir bens atuais do clube para a fundação. “Nós não temos intenção de transferir patrimônio ou algum bem que exista agora. O bem que nós capitalizaremos é um bem novo. Me entristece essa dúvida, essa desconfiança. Jamais prejudicamos esse clube. Não levantem suspeitas”. Muito emocionado – segurando o choro e parando por instantes para se recuperar –, o dirigente aproveitou para disparar contra seus opositores. “Nossos opositores se reúnem em lugares de baixo nível, ficam bebendo, cheirando e manchando a nossa honra”, disparou, sem citar nomes, para ser muito aplaudido por seus correligionários.

O clube pretende bater na porta de bancos de desenvolvimento, fundos de governança, ONGs, institutos, associações, federações, sindicatos e conselhos, além de empresas públicas e privadas. Internamente, o Atlético terá seis comitês especializados: Mulher FunCap, com o objetivo de inserir a mulher torcedora no cotidiano da fundação; EduFunCAP, com o objetivo de atuar na área de educação, envolvendo atletas e comunidade; Cultura FunCAP, para fomento de práticas e produções culturais; SócioAmbiental FunCAP, abrangendo temas como sustentabilidade e responsabilidade social; MedFunCAP, com foco em medicina esportiva; e o Mobiliza FunCAP, voltado ao voluntariado.

Tribunal de Contas

Petraglia também rebateu a decisão do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), que decidiu na última quinta-feira (25) impedir, de forma cautelar, a suposta pretensão do Atlético de transferir seus bens para a Funcap. “Apenas o futuro imóvel que o clube adquirirá para erigir a fundação fará parte dos bens da fundação. Todos os grandes clubes do mundo têm fundação. Fomos notificados e não temos nada a temer”.

Questionado ainda sobre a possibilidade de um plebiscito para ouvir todos os sócios do Atlético sobre o tema, Petraglia foi enérgico. “Por que temos que ouvir os sócios sobre isso? Qual o objetivo? Se tivéssemos alienando bens do clube, se tivéssemos dando passos que põem em risco o Atlético, sim, convocaríamos um plebiscito. Mas isso aqui é uma decisão singela. Para que fazer um plebiscito?”.

Ao fim da manhã, a FunCAP foi aprovada por unanimidade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.