Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Otávio confirma ter recebido propostas para deixar o Atlético no início de 2016. | Albari Rosa/Gazeta do Povo
Otávio confirma ter recebido propostas para deixar o Atlético no início de 2016.| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O sonho de disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, na metade de 2016, fez o volante Otávio descartar uma possível saída do Atlético neste inicio de ano. Apesar de ganhar destaque do jornal britânico Daily Mirror, como um dos cinco jovens jogadores brasileiros que os times da Inglaterra deveriam ficar de olho, a meta do volante é outra. Segundo o jogador, foram feitas propostas para tirá-lo do clube, mas nenhuma evoluiu a ponto de mudar o pensamento do atleta: seguir se destacando no time para jogar a Olimpíada.

Coritiba não aluga Couto Pereira e Atlético vai jogar no Ecoestádio

Leia a matéria completa

“Chegaram muitas especulações, de concreto foram uma ou duas. Mas essa parte não era meu pensamento. Curti as férias com a família e deixei essa parte para meus empresários”, desconversou.

Segundo o volante, a chance de ter jogado pela seleção pré-olímpica em 2015, quando chegou a participar de um amistoso, diante da França, em setembro, mostrou a necessidade de se aprimorar ainda mais na posição, mesmo após ter liderado o último Brasileirão em desarmes. “Achei que foi uma oportunidade, de muito aprendizado. Nesta passagem pela seleção vi que precisava evoluir ainda mais, principalmente na parte tática.”, afirmou.

E para concretizar o sonho de chegar à Rio-2016, Otávio acredita que precisa continuar jogando e aparecendo com a camisa rubro-negra. “Seleção é um sonho. Vivi no ano passado e pretendo viver novamente este ano. Mas não posso pensar na seleção antes de pensar no Atlético. Tenho que seguir fazendo o melhor aqui que a seleção é consequência”, sentenciou.

O jogador se mostrou confiante de que estará entre os selecionados pelo técnico Dunga para a disputa olímpica. “Nos 10 dias que treinamos [na seleção], dei meu melhor e sei que deixei uma boa impressão. Tenho certeza que ainda voltarei para a seleção”, destacou.

Ano da firmação

Otávio começou o ano entre as opções do elenco atleticano para a cabeça de área, após a boa passagem pela equipe sub-23, em 2014, mas sem nenhuma badalação. Começou o Brasileirão como a quarta opção para a posição, mas a lesão do então titular Jadson e a suspensão de Hernani abriram caminho para a estreia do jovem, na terceira rodada do Nacional.

Otávio tomou conta da posição e terminou o ano como o grande destaque da equipe rubro-negra, além de líder em desarmes no campeonato. Para o meia, tal status faz com que aumente a sua responsabilidade, em uma temporada que acredita ser de afirmação para sua carreira.

“A cada ano a expectativa vai aumentando, a torcida vai cobrar sempre algo a mais. Começo esse ano com mais responsabilidade, se antes era uma promessa, esse ano eu tenho que fazer melhor, evoluir. Ano passado foi o ano que eu surgi para o futebol, esse é o ano de confirmação”, concluiu.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]