Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Antônio More/Gazeta do Povo
| Foto: Antônio More/Gazeta do Povo

O Atlético estipulou o preço de R$ 200 para os ingressos da torcida do Coritiba no clássico de domingo (16), às 17h, na Vila Capanema. O valor cobrado pelo clube rubro-negro à torcida visitante para o Atletiba é o dobro do preço para o mesmo setor em jogos na Baixada. As torcidas adversárias costumam pagar R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia).

Segundo o regulamento de competições da CBF, os preços dos ingressos para a torcida visitante, nos respectivos setores do estádio ou equivalente, deverão ter os mesmos valores que os bilhetes cobrados para a torcida mandante.

Mas como o Furacão não está vendendo bilhetes para sua torcida, o valor pode ser estipulado pelo clube rubro-negro. Apenas os sócios do Atlético poderão entrar no estádio através da habilitação do smart card.

O clássico teve que ser transferido para a Vila Capanema por causa do show do tenor italiano Andrea Bocelli, que será no dia 19 de outubro. Porém, a produção do evento irá começar a montagem do palco no dia 12, impossibilitando a realização da partida.

A informação foi confirmada pelo Coxa, mas o clube não sabe o que justificou a mudança de preço e nem quando colocará à venda. A diretoria atleticana não atendeu a reportagem.

A diretoria rubro-negra tentou alterar a data do Atletiba, mas esbarrou na CBF e no próprio Coritiba, que disputa a Copa Sul-Americana e não tem muitas datas disponíveis.

O presidente Luiz Sallim Emed criticou na última quinta-feira (5)em entrevista à Rádio CAP, no dia do anuncio oficial da realização do clássico na Vila, a postura da direção coxa-branca.

“O show [de Andrea Bocelli] foi contratado com muita antecedência. Eu achava que seria fácil ajustar as datas. Acreditava na solidariedade dos adversários e no bom senso da CBF, mas não aconteceu”, disse à época o cartola.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]