i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Série B

Paraná se acerta durante o jogo e vence Sampaio Corrêa na estreia

Tricolor chegou no segundo tempo ao triunfo por 2 a 0 em São Luís. Estreante técnico Claudinei Oliveira optou pela ofensividade quando o time já vencia

  • PorFelipe Raikoski, especial para a Gazeta do Povo
  • 18/04/2014 18:32
Carlinhos comemora o segundo gol paranista sobre o Sampaio Corrêa | Reprodução Premiere FC
Carlinhos comemora o segundo gol paranista sobre o Sampaio Corrêa| Foto: Reprodução Premiere FC

O Paraná cresceu durante a partida para estrear na Série B com vitória por 2 a 0 sobre o Sampaio Corrêa (MA), em São Luís, na noite desta sexta-feira (18). Edson Sitta e Carlinhos marcaram para o Tricolor no segundo tempo da partida que marcou também a estreia do técnico Claudinei Oliveira.

O time paranaense levou sufoco no início do jogo, equilibrou as ações no final da primeira etapa e tomou conta da partida após o intervalo, marcando forte e explorando os contra ataques.

Claudinei Oliveira mostrou seu cartão de visitas ao tirar o meia Juliano Mineiro na metade do segundo tempo, quando o time já ganhava, para colocar o atacante Carlinhos, optando por ir para cima em vez de segurar o resultado. Foi justamente o substituto que marcou o segundo gol.

O Paraná agora pensa na primeira partida da segunda fase da Copa do Brasil, contra a Ponte Preta, terça feira (22), na Vila Capanema. Pela Série B, volta a campo na sexta-feira (25), contra o Joinville, também na Vila Capanema.

O jogo

O Sampaio Corrêa começou pressionando. Nos primeiros minutos, chegou ao menos por três vezes ao gol de Marcos, exigindo duas boas defesas do goleiro paranista. Após os sustos, o Paraná equilibrou o jogo e chegou a ameaçar a meta da "Bolívia Querida" após cruzamento de Breno, que Edson Sitta completou batendo desequilibrado para fora.

Jogando mais pela esquerda e contando com a velocidade de Paulinho, o Tricolor ainda criou outra boa oportunidade quando o lateral Breno recebeu, chegou ao fundo e cruzou, mas a bola saiu forte e Giancarlo não alcançou.

Quando o Sampio voltou à carga, o atacante Edgar bateu cruzado viu Marcos fazer grande defesa para salvar o gol na melhor oportunidade da primeira etapa.

Após os 25 minutos, o Paraná se encolheu novamente e deu a bola para o time da casa. Sem querer correr riscos, os dois times cozinharam o jogo e passaram a marcar no campo de defesa. O Tricolor tentou, em algumas oportunidades, sair com velocidade pelas laterais. Mas não acertava a ligação e, nas poucas vezes em que conseguiu envolver a marcação maranhense, o goleiro Rodrigo Ramos estava lá para evitar o perigo.

O segundo tempo começou com o Paraná mais interessado na partida. Jogando sem alterações, mas com outra postura, não deixou mais o time da casa à vontade com a bola nos pés. Pressionando a marcação e explorando os espaços deixados, começou a assustar logo de cara, quando Juliano Mineiro encontrou Paulinho na área. O chute saiu por cima e ele bateu por cima.

O gol não demorou a sair. Aos 8 minutos, Paulinho fez jogada individual pela esquerda e tocou pelo meio. Lúcio Flávio deixou a bola passar e ela acabou com Edson Sitta. Com um chute forte, o volante venceu o goleiro para marcar o primeiro gol desta Série B.

Atrás no placar, o time maranhense tentou ir para cima. Primeiro o técnico Flávio Araújo trocou o lateral Paulo Ricardo pelo meia ofensivo Hiltinho. Depois os meias Cleitinho e Eloir por Válber e o atacante Bruno Chocolate.

Do outro lado, Claudinei substituiu Juliano Mineiro por Carlinhos, colocando o time para jogar com três atacantes. A proposta ofensiva foi recompensada. Aos 34 minutos, Paulinho fez grande jogada pela direita e deu a assistência para Carlinhos. O jovem atacante chegou de frente para o gol e tocou por cima do goleiro para matar o jogo.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.